Tite Vieira

Ex-atacante do Flu, Santos e Corinthians
por Rogério Micheletti
 
Augusto Vieira de Oliveira (4/6/1930), o Tite, ex-craque do Santos nas décadas de 50 e 60, morreu aos 74 anos no dia 26 de agosto de 2004. Ele era casado, pai de dois filhos, avô de seis netos, tio-avô do ex-lateral-esquerdo Léo (do Santos de Robinho e Diego) e morava em Santos.

Carioca de Campos dos Goytacazes (RJ), ele começou a carreira no Goytacaz, passou pelo Fluminense, Corinthians e encerrou a carreira no Santos. Tite chegou a lançar um livro de futebol: "Futebol, minha história e seus detalhes" e trabalhou no alvinegro da Vila Belmiro, pouco antes de morrer, como diretor de patrimônio.

Entre seus maiores títulos destacam-se o Bicampeonato Mundial Interclubes (fez parte do elenco inscrito nos torneios de 1962 e 1963) e o Bicampeonato da Taça Toyota Libertadores da América (1962 e 1963). O ex-atleta foi cinco vezes Campeão Paulista: 1955, 1956, 1960, 1961 e 1962, Bicampeão Brasileiro:1961 e 1963 e Campeão do Torneio Rio-São Paulo: 1963.

Em sua passagem pelo Corinthians, em 1958 e 59, atuou em 94 jogos (54 vitórias, 20 empates, 20 derrotas) e marcou 30 gols (fonte: Almanaque do Corinthians - Celso Unzelte).

Ele foi o 10º maior artilheiro da história do clube, marcando 151 gols em 475 jogos. Foi o primeiro jogador santista a ser convocado para a seleção brasileira e chegou a atuar na partida de estréia de Pelé com a camisa canarinho: 2 a 1 contra a Argentina. Tite, que também era músico, ultimamente era o grande responsável por cuidar do departamento de veteranos do clube.
 

No vídeo abaixo ouvimos a narração de Ernani Franco na partida em que o Santos goleou a Ferroviária por 6 a 2, com dois gols de Pelé, dois de Pepe, um de Pagão e um de Tite, e conquistou o bicampeonato paulista, no dia 13 de dezembro de 1961. O áudio foi cedido por José Carlos Gomes Valenci e a montagem por Wesley Miranda, da Associação dos Pesquisadores e Historiadores do Santos FC (ASSOPHIS).

 

ver mais notícias

Pelo Corinthians:

Em sua passagem pelo Corinthians, em 1958 e 59, atuou em 94 jogos (54 vitórias, 20 empates, 20 derrotas) e marcou 30 gols.
Fonte: Almanaque do Corinthians, de Celso Unzelte.

Títulos:


Entre seus maiores títulos destacam-se o Bicampeonato Mundial Interclubes (fez parte do elenco inscrito nos torneios de 1962 e 1963) e o Bicampeonato da Taça Toyota Libertadores da América (1962 e 1963). O ex-atleta foi cinco vezes Campeão Paulista: 1955, 1956, 1960, 1961 e 1962, Bicampeão Brasileiro:1961 e 1963 e Campeão do Torneio Rio-São Paulo: 1963.

Selecione a letra para o filtro

  • Tabela

  • BRASILEIRÃO 2019

  • Classificação
    Pontos
  • 1 Fla
    77
  • 2 Pal
    67
  • 3 San
    64
  • 4 Grê
    56
  • 5 São
    52
  • Veja tabela completa

ÚLTIMOS CRAQUES