Sadi

Ex-Inter e Corinthians
Sadi, o dublê de lateral-esquerdo e zagueiro que jogou no Internacional e no Corinthians nos anos 60 e 70, morreu em Porto Alegre-RS no dia 27 de fevereiro de 2019, aos 76 anos. Ele morava na capital gaúcha, onde era comentarista da Rádio Pampa, uma das principais do Rio Grande do Sul.

Nascido no dia 15 de dezembro de 1942 em Arroio dos Ratos (RS), Schwerdt Sadi, o Sadi, saiu do Internacional para jogar no Corinthians em 1971, mas no alvinegro não teve muita sorte.

Ele fez parte da equipe corintiana que conquistou uma das vitórias mais marcantes na história do clube.

Sadi entrou jogando no dia 25 de abril de 1971, numa tarde gelada de domingo de 8 graus no Morumbi, no célebre dia em que o seu Corinthians ganhou de virada do favorito Palmeiras por 4 a 3. O técnico Francisco Sarna escalou: Ado, Zé Maria, Sadi, Luis Carlos Gálter, Pedrinho, Tião, Rivellino, Lindóia depois Natal, Samarone depois Adãozinho, Mirandinha e Peri. Apitou Armando Marques, que expulsou Leivinha e Rivellino, e os gols foram marcados, pela ordem: César Maluco, César Maluco, Mirandinha, Adãozinho, Leivinha, Tião e Mirandinha.

Mas logo depois uma contusão encerrou sua carreira.
ver mais notícias

Pelo Corinthians:

Segundo o Almanaque do Corinthians de Celso Unzelte, jogou dez partidas (sendo cinco vitórias, três empates e duas derrotas). Não marcou nenhum gol.

Selecione a letra para o filtro

  • Tabela

  • BRASILEIRÃO 2019

  • Classificação
    Pontos
  • 1 Fla
    77
  • 2 Pal
    67
  • 3 San
    64
  • 4 Grê
    56
  • 5 São
    52
  • Veja tabela completa

ÚLTIMOS CRAQUES