Luis Fabiano

Ex-atacante do São Paulo
por Diogo Miloni

Artilheiro nato, um atacante letal dentro dos retângulos que ornam a baliza. Luis Fabiano Clemente, o Fabuloso, camisa 9 que honrou a profissão de "fazedor de gols", hoje aposentado dos gramados, trabalha como coordenaor de futebol da Ponte Preta.
 
Em dezembro de 2015, após deixar o São Paulo, assinou contrato com o Tianjin Songjiang, da China. Após período no futebol asiático, retornou ao Brasil e em 17 de fevereiro de 2017 foi anunciado pelo Vasco, seu último clube  na carreira.
 
Após alguns anos parado e tratando lesões importantes, no dia 10 de dezembro de 2021, o Fabuloso anunciou sua aposentadoria do futebol. Três dias depois de anunciar oficialmente a aposentadoria, no dia 13 de dezrmbro de 2021, o Fabuloso foi anunciado como novo coordenador de futebol da Ponte Preta. 
 
Natural de Campinas, principal cidade do interior paulista, Luis nasceu em 8 de novembro de 1980 e começou sua carreira na linha ofensiva da Ponte Preta. O sucesso prematuro na Macaca lhe rendeu um breve empréstimo para o Rennes, da França, onde permaneceria por duas temporadas.

Em 2001, o centroavante desembarcou no Morumbi e iniciou um grande ciclo de gols com a camisa tricolor. Até 2004, foram 87 jogos oficiais, 61 tentos e o título do Torneio Rio-São Paulo. Marcas suficientes para conquistar lugar cativo no coração do exigente são-paulino.

Luis Fabiano chegou ao Porto logo depois do time lusitano conquistar a Liga dos Campeões e reforçou o ataque que seria também vencedor do Mundial de Clubes em 2004. Sem grandes oportunidades, foi negociado com o Sevilla pela significativa quantia de 20 milhões de euros, uma das maiores contratações que o clube espanhol fez em sua história.

Fazendo justiça ao esforço financeiro, o atacante brasileiro não demorou para mostrar seu valor: na decisão da Copa da Uefa de 2006, fez o gol do título diante do Middlesbrough, da Inglaterra. Ao lado do malaio Kanouté, fez uma marcante dupla de ataque de muito sucesso no futebol europeu, vencendo duas vezes a Copa do Rei.

A saída do Sevilla despertou o interesse de muitos clubes brasileiros. Fiel ao Tricolor, acertou seu retorno ao Morumbi e foi recepcionado em grande estilo pela torcida.  Sua segunda passagem pelo São Paulo é marcada por demasiadas lesões e por muitos gols. Criticado pela ineficácia em jogos importantes, foi artilheiro da Copa do Brasil de 2008 e fez grande campanha individual no Brasileirão do mesmo ano.

Em 2013, atos de indisciplina recorrentes na carreira do Fabuloso despertaram a dúvida de sua sequência na equipe principal do São Paulo, mas o jogador ficou no clube paulista até dezembro de 2015.

Pela Seleção Brasileira, Luis Fabiano conquistou a Copa América de 2004, a Copa das Confederações de 2009 e foi titular da Copa do Mundo de 2010, na África do Sul. Aliás, no Mundial fez um dos gols mais belos do torneio, na vitória brasileira diante de Costa do Marfim, quando aplicou dois chapéus e finalizou no canto do goleiro.
ver mais notícias

Selecione a letra para o filtro

  • Tabela

  • BRASILEIRÃO 2019

  • Classificação
    Pontos
  • 1 Bah
    0
  • 2 Atl
    0
  • 3 Cor
    0
  • 4 Spo
    0
  • 5 Red
    0
  • Veja tabela completa

ÚLTIMOS CRAQUES