Você é daqueles que acreditam que apenas quem foi jogador de futebol entende do assunto?

Você é daqueles que acreditam que apenas quem foi jogador de futebol entende do assunto?

No dia 27 de fevereiro de 1943, nascia na capital do Rio de Janeiro, Carlos Alberto Parreira. Tetracampeão Mundial pela Seleção Brasileira em 1994 e dono de um currículo vitorioso como treinador, Parreira pulou uma etapa típica do futebol, a de ser um jogador profissional.

É que geralmente, a beira dos gramados, estamos acostumados a ver um ex-atleta passando ordens a seus comandados. Isso se deve pela experiência adquirida enquanto praticantes do futebol, onde a presença em campo conta muito para uma visão de jogo aguçada.

E se você é daqueles que acreditam que apenas quem foi jogador de futebol entende do assunto, estes técnicos provam o contrário. Abaixo, veja a lista dos treinadores que nunca foram atletas:

Carlos Alberto Parreira: Formou-se em educação física e começou a trabalhar como preparador físico do São Cristóvão, em 1975 recebeu uma oportunidade do Fluminense e desde então comandou diversos clubes e seleções no Brasil e ao redor do mundo. Clique aqui e confira o seu Que Fim Levou.

Jorge Luis Pinto: O colombiano que foi, junto com a Costa Rica, revelação da última Copa do Mundo, assumiu o comando do time do Milionarios, em 1984. Mas nunca jogou profissionalmente. Clique aqui e confira o seu Que Fim Levou.

Ney Franco: Formado em educação física, o treinador assumiu a categoria de base do Atlético Mineiro, posteriormente a do Cruzeiro e em 2004 teve uma oportunidade na equipe profissional do Ipatinga. Clique aqui e confira o seu Que Fim Levou.

Renê Simões: Chegou a jogar em divisões de base, mas resolveu cursar educação física. Seu primeiro clube foi o Serrano, em 1978. O técnico já trabalhou em muitos lugares do mundo. Clique aqui e confira o seu Que Fim Levou.

Oswaldo de Oliveira: Este começou com tudo. Também oriundo da preparação física, o técnico assumiu o comando do Corinthians em 1999, no mesmo ano ganhou o Paulistão e o Brasileirão. Clique aqui e confira o seu Que Fim Levou.

Carlos Alberto Silva: Seu primeiro clube foi o Guarani, em 1978. Em seu primeiro trabalho faturou o Campeonato Brasileiro. Está aposentado do futebol. Clique aqui e confira o seu Que Fim Levou.

Cláudio Coutinho: Seguiu carreira militar e formou-se em educação física na escola do exército. Foi preparador físico da Seleção Brasileira na Copa do Mundo de 1970. Um ano depois assumiu o comando do Vasco da Gama. Chegou a comandar o Brasil na Copa de 1978. Clique aqui e confira o seu Que Fim Levou.

Dado Cavalcanti: O jovem treinador tem só 33 anos. Chegou a jogar na base do Santa Cruz, mas preferiu ser técnico. Em 2004 assumiu o Ulbra. Hoje comanda Ceará. Clique aqui e confira o seu Que Fim Levou.

Marquinhos Santos: Jogou na base do Santos, mas não seguiu a carreira de atleta. Em 2003 assumiu o time juniores do Atlético Paranaense. Hoje comanda o Coritiba. Clique aqui e confira o seu Que Fim Levou.

André Villas-Boas: Começou como auxiliar no Porto, foi pupilo de José Mourinho e hoje é técnico do Zenit. 

Fotos: UOL

Imagem: Túlio Nassif/Portal TT

Últimas do seu time

  • Tabela

  • BRASILEIRÃO 2019

  • Classificação
    Pontos
  • 1 Bah
    0
  • 2 Atl
    0
  • 3 Cor
    0
  • 4 Spo
    0
  • 5 Red
    0
  • Veja tabela completa