Rubens Galaxe

Ex-zagueiro do Fluminense

por Marcos Júnior Micheletti

Considerado o maior "curinga" da história do Fluminense, Rubens Márcio Cordeiro Galaxe, o Rubens Galaxe, carioca nascido em 29 de setembro de 1952 no município de Campos, formou-se em Economia após deixar o futebol e atua nesta área. É casado e pai de duas filhas, uma delas morando no exterior.

Zagueiro de ofícil, Rubens Galaxe começou jogando no meio-campo até se efetivar como zagueiro, mas também jogou nas laterais e sempre que convocado pelos treinadores, exercia outras funções.

Defendeu o Tricolor das Laranjeiras entre 1970 e 1982, conquistando, entre outros, cinco títulos do Campeonato Carioca, em 1971, 1973, 1975, 1976 e 1980).

Pelo Flu, onde atuou na chamada "Máquina Tricolor", ao lado de Rivellino, Doval, Carlos Alberto Pintinho e Carlos Alberto Torres, entre outros, Rubens Galaxe disputou 462 jogos, sendo o sexto atleta que por mais vezes vestiu a camisa tricolor. Acima dele, apenas Pinheiro, Altair, Castilho, Telê Santana e Escurinho.

Entre 1971 e 1972 defendeu a Seleção Brasileira Olímpica. 

Deixou o Fluminense em 1982 mas permaneceu no Rio de Janeiro, atuando pelo São Cristóvao, em 1983. Em seguida, uma passagem pelo Sobradinho (DF) em 1984 e em 1985 jogou pelo Goytacaz (RJ), seu último clube como jogador.

Foi treinador do Fluminense em 1989 e do Remo (PA) em 1994. 

ABAIXO, EM 2011, RUBENS GALAXE EM PROGRAMA ESPECIAL NO CANAL DE VALTERSON BOTELHO, NO YOUTUBE

ver mais notícias

Selecione a letra para o filtro

  • Tabela

  • BRASILEIRÃO 2019

  • Classificação
    Pontos
  • 1 Bah
    0
  • 2 Atl
    0
  • 3 Cor
    0
  • 4 Spo
    0
  • 5 Red
    0
  • Veja tabela completa

ÚLTIMOS CRAQUES