Richarlyson

Volante do São Paulo

por Túlio Nassif

Richarlyson Barbosa Felisbino, o popular Richarlyson ou o carismático "Ricky", como queira, é filho de Lela, ex-craque do Coritiba na década de 80 e irmão do atacante Alecsandro, o "Alecgol". Richarlyson nasceu no dia 27 de dezembro de 1982, em Natal, Rio Grande do Norte. Em 7 de janeiro de 2018 foi anunciado como novo reforço do Cianorte, time do interior do Paraná. Pouco mais de um ano depois, chegou ao Campinense, time da Paraíba, onde permaneceu até junho de 2019. Após período afastado do futebol, foi anunciado, em 20 de fevereiro de 2020, como reforço do Noroeste, de Bauru, para a disputa da Série A3 do Campeonato Paulista.

Iniciou sua carreira em 1998, nas categorias de base do Ituano. Foi campeão paulista em 2002, antes mesmo de se tornar profissional. Após isso, passou pelo São Luiz, de Alagoas e Santo André, time pelo qual ganhou a Copa São Paulo de Futebol Júnior em 2003.

Foi aí que Richarlyson chamou a atenção de outros clubes e, ainda em 2003, acertou com o Fortaleza. Pouco tempo depois, tentou a vida na Europa, quando atou de 2003 a 2005 pelo Salzburg, da Áustria. Retornou ao Brasil e de novo para o Santo André, onde fez boa campanha.

Essas atuações geraram interesse de Palmeiras e São Paulo, que brigaram para contratá-lo até o último minuto. O Tricolor levou a melhor sobre o rival e Richarlyson não decepcionou. Em quase cinco anos de clube, ele conquistou o Mundial de Clubes de 2005 e o Campeonato Brasileiro de 2006, 2007 e 2008, sendo peça fundamental do elenco em todas as conquistas. Isso lhe deu status de ídolo no Morumbi, principalmente quando em 2007 esteve em seu auge, recebendo a Bola Prata e estando entre os jogadores da Seleção do Campeonato Brasileiro.

Neste período, teve a sua primeira convocação para a Seleção Brasileira. No dia 6 de fevereiro de 2008, jogou o amistoso contra a Irlanda. A partida terminou com a vitória do Brasil por 1 a 0, gol de Robinho.

Encerrou um belo ciclo no Morumbi ao ser anunciado, em 17 de dezembro de 2010, como o mais novo reforço do Atlético-MG. No Galo, ele repetiu o bom futebol e conquistou mais três importantes títulos, o Campeonato Mineiro de 2012 e 2013 e a desejada Copa Libertadores da América de 2013.

No dia 11 de junho de 2014, assinou com o Vitória-BA. Chegou a se aposentar em dezembro deste ano, pois não estava satisfeito com o futebol e com a queda do clube baiano para a Série B. No entanto, voltou atrás de sua decisão e em 27 de janeiro de 2015 acertou com a Chapecoense.

Perdeu espaço no time de Chapecó e no final do ano, em 31 de dezembro de 2015, fechou com o Grêmio Novorizontino-SP, para passar experiência ao elenco que retornou a Série A do Paulistão.

Com o término do estadual paulista, Richarlyson foi se aventurar em 31 de agosto de 2016 no FC Goa, time que foi comandado por Zico, para a disputa da Superliga da Índia. Acertou no dia 8 de maio de 2017 com o Guarani, de Campinas.

ver mais notícias

Selecione a letra para o filtro

  • Tabela

  • BRASILEIRÃO 2019

  • Classificação
    Pontos
  • 1 Fla
    90
  • 2 San
    71
  • 3 Pal
    71
  • 4 Grê
    65
  • 5 Ath
    63
  • Veja tabela completa

ÚLTIMOS CRAQUES