Elano

Ex-meia do Santos e Seleção Brasileira

por Túlio Nassif

Elano Ralph Blumer, ou apenas Elano, campeão da Copa América de 2007 e da Copa das Confederações de 2009 pela Seleção Brasileira, nasceu no dia 14 de junho de 1981, em Iracemápolis, interior de São Paulo. Em 2016 seguia residindo na cidade de Santos, tendo retornado ao Peixe em 22 de dezembro de 2015 para a sua quarta passagem. É casado com Alexandra, com quem tem duas filhas, Maria Tereza e Maria Clara.

Em 2017 trabalhou como treinador do Santos, após a saída de Dorival Júnior, até a chegada de Levir Culpi. Voltou a comandar o time após a demissão de Levir, ainda em 2017 foi oficialmente desligado do clube em 3 de janeiro de 2018.

Iniciou sua carreira em 1998 nas categorias de base do Guarani. Permaneceu no Bugre até o ano 2000, quando teve uma breve passagem pela base da Inter de Limeira. Foi aí que chamou a atenção do Santos e já em 2001, foi revelado juntamente com Diego, Robinho e companhia, ano que a sua vida como jogador profissional começou.

Comandado pelo então técnico do Peixe, Emerson Leão, firmou-se como um dos principais jogadores na conquista dos dois títulos nacionais, em 2002 e 2004. Jogando com a “camisa 11” do time entre 2001 e 2004, atuou em 212 jogos e marcou 48 gols, entre eles, um na final do Campeonato Brasileiro de 2002, contra o rival Corinthians. E foi vice-campeão da Libertadores da América em 2003, quando perdeu para o Boca Juniors de Carlitos Tevez.

O Santos não resistiu a pressão aos altos valores oferecidos por Elano, principalmente após o meia passar a ser convocado para a Seleção Brasileira, e o vendeu em dezembro de 2004 para o Shakhtar Donetsk, time da Ucrânia. Lá, deu continuidade ao bom futebol e fez muito sucesso. Conquistou o bi campeonato Ucraniano nas temporadas 2004-05 e 2005-06. Levou também a Supercopa da Ucrânia de 2005. Após a alta exposição, acabou chamando a atenção dos grandes clubes europeus, principalmente na Inglaterra.

Acabou trocando o Shakhtar pelo Manchester City no dia 2 de agosto de 2007. A adaptação no futebol inglês demorou um pouco e Elano só conseguiu se formar como titular na temporada 2008-09. Pelo "Citizens" foram 62 partidas na Premier League e 14 gols, números registrados até o dia em que foi negociado com Galatasaray, em 30 de julho de 2009.

Saiu-se muito bem na Turquia, mas sempre deixou claro o desejo de voltar ao Brasil. Foi então que o Santos o repatriou, no dia 30 de novembro de 2010. Em seu retorno ao clube de formação teve um início excelente, pois além de se tornar um dos líderes da equipe em campo, também marcou muitos gols, coisa pouco comum em sua carreira. Além disso, conquistou o Paulistão de 2011 e 2012 e a Copa Libertadores da América de 2011.

Infelizmente, em 2012, passou por alguns desentendimentos com a diretoria e acabou sendo envolvido em uma troca no dia 7 de julho com o Grêmio, que cedeu Ezequiel Miralles. Não conquistou nenhum título pelo Tricolor, mas não foi de todo ruim sua passagem por lá. Sendo assim, acabou ficando fora dos planos da diretoria gaúcha para 2014 e no dia 7 de janeiro foi confirmada sua transferência para o Flamengo por um ano.

Mesmo tendo conquistado a Taça Guanabara, o Torneio Super Clássicos e Campeonato Carioca, a sequencias de lesões no Rubro-Negro e o baixo rendimento fizeram com que o Clube da Gávea o devolvesse ao Grêmio, que por sua vez, acabou por rescindir o contrato com o jogador.

Sem clube, se transferiu no dia 19 de setembro de 2014 para o futebol indiano, onde jogou pelo Chennaiyin. Recuperado das contusões, sagou-se campeão da Superliga Indiana de 2015.

No dia 12 de janeiro de 2015, assinou contrato com o Santos, desta vez, para sua terceira passagem pelo time da Vila. Não decepcionou e guardou mais um título para a sua coleção, o de campeão paulista de 2015. No entanto, sem espaço no Peixe, foi emprestado ao Chennaiyin no dia 17 de junho de 2015 até o fim do Campeonato Indiano. Após o término da "I-League", Elano retornou ao Santos em 22 de dezembro e se juntou ao time. Conquistou o Paulistão de 2016 e fez parte do elenco que fez ótima campanha no Brasileirão daquele ano.

O UOL publicou uma matéria especial sobre Elano em 24 de maio de 2019, assinada pelos jornalistas Gabriel Carneiro, Karla Torralba e Augusto Simon. Clique aqui e leia na íntegra.

Abaixo, ouça a participação de Elano no "Domingo Esportivo" do dia 1º de abril de 2018:

ver mais notícias

Selecione a letra para o filtro

  • Tabela

  • BRASILEIRÃO 2019

  • Classificação
    Pontos
  • 1 Fla
    77
  • 2 Pal
    67
  • 3 San
    64
  • 4 Grê
    56
  • 5 São
    52
  • Veja tabela completa

ÚLTIMOS CRAQUES