Nabi Abi Chedid

Ex-presidente da CBF e do Bragantino

Nascido no Líbano em 21 de abril de 1932, Nabi Abi Chedid chegou ao Brasil seis anos depois a bordo do navio italiano "Oceania". A família se instalou na região de Bragança Paulista, a 70 quilômetros de São Paulo.

A vida de Nabi Abi Chedid foi dedicada à política e ao futebol. Eleito mais de 10 vezes deputado, ele também se tornou dirigente esportivo. Comandou o futebol do Bragantino nas décadas de 50, 60, 80 e 90, além de ter se tornado presidente da CBF e da Federação Paulista de Futebol. Na gestão de Ricardo Teixeira à frente da Confederação Brasileira de Futebol, ocupou o cargo de vice-presidente da entidade.

Chefiou a delegação do time nacional na Copa de 86, ano em que se desentendeu durante uma entrevista com o jornalista Marcelo Tas, que interpretava na época o repórter "Ernesto Varella".

Um dos maiores orgulhos de Nabi foi ter levado o Bragantino ao título de campeão estadual de 90, com Vanderlei Luxemburgo. No ano seguinte, o time da terra da linguiça chegou ao vice-campeonato brasileiro sob o comando de Carlos Alberto Parreira.

O ex-dirigente morreu no dia 29 de novembro de 2006 vítima de um câncer no pulmão. Para homenagear o pai em 2009, o presidente do Bragantino, Marquinho Chedid, mudou o nome do estádio do clube de Marcelo Stéfani para Nabi Abi Chedid.

ver mais notícias

Selecione a letra para o filtro

  • Tabela

  • BRASILEIRÃO 2019

  • Classificação
    Pontos
  • 1 Bah
    0
  • 2 Atl
    0
  • 3 Cor
    0
  • 4 Spo
    0
  • 5 Red
    0
  • Veja tabela completa

ÚLTIMOS CRAQUES