Mauro Madureira

Ex-ponta-direita do São Paulo
por Gustavo Grohmann
Mauro Madureira, o Mauro, ponta-direita do São Paulo em meados dos anos 70, mora atualmente no Paraná e tem residência fixa em Curitiba (PR). Casado, tem quatro filhos.

Em fevereiro de 2007, assumiu o comando técnico do Londrina EC e logo na estréia goleou o Nacional de Rolândia (PR) por 6 a 2 (em jogo válido pela primeira divisão do campeonato paranense). Ele também já foi treinador das divisões de base do Coritiba FC.

Mauro jogou no São Paulo de 1973 a 76. Com a camisa tricolor foram 99 jogos (45 vitórias, 41 empates, 13 derrotas) e 14 gols marcados (fonte: Almanaque do São Paulo - Alexandre da Costa).

No dia 19 de outubro de 1974, Mauro entrou como titular no, até então, jogo mais importante da história do São Paulo. Era a terceira partida da final de Libertadores da América, decisão que o Tricolor disputava pela primeira vez. O jogo ocorreu em campo neutro, no Estádio Nacional de Santiago, no Chile e o Independiente da Argentina levou a melhor. Venceu pelo placar mínimo e faturou seu quinto título sul-americano.

Na primeira partida, disputada no Pacaembu, o São Paulo bateu o time argentino por 2 a 1. No jogo seguinte o Independiente deu o troco. Venceu por 2 a 0 e levou a decisão para o terceiro jogo.

Ele também jogou em times como Cruzeiro, Sport Recife, Marília, Botafogo de Ribeirão Preto, Colorado, Pinheiros, Coritiba, Atlético Paranaense e Atlético Goianiense.
ver mais notícias

Selecione a letra para o filtro

  • Tabela

  • BRASILEIRÃO 2019

  • Classificação
    Pontos
  • 1 Fla
    77
  • 2 Pal
    67
  • 3 San
    64
  • 4 Grê
    56
  • 5 São
    52
  • Veja tabela completa

ÚLTIMOS CRAQUES