Lenice Chame Magnoni Neves

Dentista, mãe exemplar, esposa de Milton Neves

por Marcos Júnior Micheletti

Lenice Chame Magnoni Neves, a Nice, para os familiares e amigos, esposa do jornalista e publicitário Milton Neves, morreu na madrugada de 30 de agosto de 2020, aos 65 anos, em decorrência de um câncer no pâncreas, doença que combateu com galhardia por alguns anos. Ela estava internada no Hospital Vila Nova Star, unidade premium da Rede D´Or - São Luiz, na zona sul da capital paulista.

De ascendências italiana por parte de pai, o Sr. Hélio Magnoni (o Bibi) e libanesa por parte de mãe, Dona Nadi Chame Magnoni (falecida em 31 de agosto de 2019), Lenice nasceu em 15 de setembro de 1954, em Muzambinho, Sul de Minas Gerais, onde conheceu Milton Neves, com quem começou a namorar em 1968.

Estudante exemplar, Lenice terminou o antigo Colegial e ingressou na Pontifícia Universidade Católica de Campinas, no curso de Odontologia, formando-se pouco antes de seu casamento.

Lenice e Milton casaram-se em 7 de janeiro de 1978, união que frutificou com três filhos: o publicitário e empresário Rafael Eduardo Magnoni Neves, o jornalista e empresário Fábio Lucas Neves e o publicitário e empresário Milton Neves Neto, o Netto Neves. 

Fábio, o filho do meio de Lenice e Milton, casado com a jornalista Roberta Peporine, lhe deu duas netas: Giulia e Maria Beatriz, a Mabê. O filho mais novo, Netto Neves, casou-se com a cantora Lais Yasmin em 7 de setembro de 2018.

"Foram dez anos de namoro e noivado esperando obter condições para nos casarmos. E foi um grande casamento, de 42 anos, na madrugada de hoje (30 de agosto de 2020) interrompido pela força do maldito câncer. Nice, Deus te pague, minha primeira namorada, única noiva e única esposa. Vá com Deus e fique tranquila no céu, porque nossos três meninos hoje cuidam de mim como tão bem você cuidou deles enquanto eu trabalhava feito louco. Deus te pague!", escreveu Milton Neves em suas redes sociais no dia da morte de sua esposa.

PAIXÃO POR ANIMAIS

Os animais, principalmente os cachorros, foram uma enorme paixão de Lenice, que sempre teve vários ao seu redor, tanto na casa de São Paulo como na fazenda da família, em Guaxupé, Sul de Minas Gerais. Aliás, na Fazenda dos Ypês, há um local especial que ela mandou construir, jazigos para seus queridos pets.

O FUTEBOL

Antes mesmo do namorado e depois marido Milton Neves aparecer em sua vida, Lenice já cultivava gosto pelo futebol, influenciada por seu querido pai, Hélio Magnoni, o Bibi, palmeirense fanático. Assim, desde a infância, a pequena Nice acompanhou grandes momentos da Sociedade Esportiva Palmeiras, e em várias ocasiões esteve ao lado de Milton em eventos ligados ao clube, podendo conhecer de perto alguns dos ídolos que admirou por muitos anos.

VIAGENS

Lenice amava a vida simples do interior de Minas Gerais, onde sempre costumava, como ela mesma dizia, "recarregar as baterias", passando temporadas com seus pais, as irmãs Claudia e Sandra, o irmão Hélio Magnoni Filho e sobrinhos, sobrinhas, primos, primas, tios, tias e amigas e amigos de infância.

O primeiro imóvel de veraneio que o casal Milton e Lenice teve foi um apartamento na Ilha Porchat, em São Vicente, no Edifício Seven Seas, onde os três filhos aproveitaram muitas férias escolares e finais de semana prolongados. O imóvel, aliás, ainda pertence à família Neves, onde residem Kennedy Andrés (funcionário do Portal Terceiro Tempo), sua esposa Néia e o filho Pedro.

Mas, além das viagens ao litoral paulista, e ao Sul de Minas, Lenice e Milton visitaram muitos lugares fora do Brasil, com destaque para diversos passeios aos Estados Unidos, com os filhos ainda pequenos, sobretudo à Disney, à Europa, principalmente Itália. Lenice e os filhos, por sinal, conseguiram cidadania italiana. 

As viagens à Israel no final dos anos 80 e início dos anos 90 com Milton Neves, quando este cobriu as Macabíadas, foram marcantes para o casal, bem como as mais recentes que ela fez com o filho mais velho Rafael ao Líbano, terra de seu avô Nazir Cham´s, sobrenome que no Brasil foi "aportuguesado" para Chame.

HOMENAGENS

Muitos amigos e clubes de futebol, por meio das redes sociais, se solidarizaram a Milton Neves pela perda de Lenice, encaminhando mensagens. Clique aqui e veja.

Um minuto de silêncio foi observado no Estádio Cícero Pompeu de Toledo, o Morumbi, antes de São Paulo 2 x 1 Corinthians, válido pelo Campeonato Brasileiro. Uma faixa, com mensagem em sua homenagem, também foi exibida. Clique aqui e veja.

ADEUS

O corpo de Lenice Chame Magnoni Neves foi encaminhado ao Cemitério e Crematório Horto da Paz, em Itapecerica da Serra (SP), onde aconteceram as solenidades fúnebres na tarde de 30 de agosto de 2020. 

ABAIXO, MILTON NEVES FALANDO À BANDNEWS FM SOBRE SUA ESPOSA LENICE

NO PLAYER ABAIXO, ÁUDIO DA HOMENAGEM DA BANDNEWS FM A LENICE E EM SOLIDARIEDADE A MILTON NEVES, COM EDIÇÃO DE ARTHUR COVRE E SONORIZAÇÃO DE JOSÉ ANTÔNIO DE ARAÚJO

TerceiroTempo ·
ver mais notícias

Selecione a letra para o filtro

  • Tabela

  • BRASILEIRÃO 2019

  • Classificação
    Pontos
  • 1 Bah
    0
  • 2 Atl
    0
  • 3 Cor
    0
  • 4 Spo
    0
  • 5 Red
    0
  • Veja tabela completa

ÚLTIMOS CRAQUES