Jovem Pan TV

Emissora de UHF extinta

por Marcos Júnior Micheletti

O sucesso do rádio foi determinante para a cúpula da Jovem Pan, a partir de seu então presidente, Antonio Augusto Amaral de Carvalho, o "Seu Tuta", migrar para outra fatia do mercado jornalístico, uma emissora de televisão, que ficou no ar entre 1991 e 1995.

A Jovem Pan TV operou em UHF (canal 16) e o "Seu Tuta" contou com três sócios durante a empreitada: o empresário João Carlos di Genio (do ramo de educação e jornalismo), do jornalista Fernando Vieira de Melo e do empresário Hamilton Lucas de Oliveira, então presidente da hoje extinta IBF (Indústria Brasileira de Formulários).

A programação da Jovem Pan TV teve como seus principais sustentáculos o jornalismo cotidiano, esportes e documentários. 

Foi o então presidente José Sarney, em 1987, quem outorgou a concessão para que a emissora, que investiu pesado em equipamentos e logística iniciasse suas atividades em 1991, algo em torno de US$ 16 milhões, uma parte (US$ 3,5 milhões) oriundos de permutas com empresas que utilizaram espaço publicitário em troca de equipamentos e materiais, casos da Ford, Philco e Concremix, entre outras. A maior parte dos recursos destinou-se à compra de equipamentos de última geração, reforma do prédio que serviu de sede, na Barra Funda, zona oeste da capital paulista e veículos, incluindo um ônibus.

A sociedade sofreu uma mudança, com Hamilton Lucas de Oliveira comprando as ações de Di Gênio e Fernando Vieira de Melo, e as constantes discordâncias entre Tuta e Hamilton culminaram com o término da sociedade.

CPI

Irregularidades financeiras desembocaram para a instauração de uma CPI (Comissão Parlamentar de Inquérito), que investigou irregularidades como desvio de vergas e superfaturamento.

A imagem da emissora acabou mais arranhada quando o nome de Hamilton foi associado ao esquema de PC Farias, no governo de Fernando Collor de Mello.

A conclusão da CPI foi de que houve prática de sonegação fiscal, dívidas com o INSS e FGTS e enriquecimento ilícito por parte de Tuta e Hamilton.

EXTINÇÃO

A Record acabou absorvendo o espólio da Jovem Pan TV, ganhando uma disputa com a TV Globo de São Paulo, em uma transação na casa dos US$ 10 milhões, em 1995.

ESPORTES

A Jovem Pan TV, com grande apelo no jornalismo esportivo, dedicou boa parte de sua programação às transmissões de futebol, encabeçadas por Milton Neves e contando com diversos profissionais da rádio, como Wanderley Nogueira, Flávio Prado, João Antonio de Carvalho e Claudio Carsughi, entre outros. O ex-treinador Mario Travaglini e o ex-goleiro e treinador Emerson Leão participaram como comentaristas em diversas transmissões de futsal e futebol.

ABAIXO, COM APRESENTAÇÃO DE MILTON NEVES, COBERTURA DE SÃO CARLENSE 0 X 0 SÃO PAULO, EM 10 DE AGOSTO DE 1991, JOGO VÁLIDO PELO CAMPEONATO PAULISTA

ABAIXO, TRECHO DA ETAPA DA STOCK CAR DISPUTADA EM 08 DE DEZEMBRO DE 1991 (ÚLTIMA DO CAMPEONATO), COM O ACIDENTE DO PILOTO PAULO DE TARSO. NARRAÇÃO DE FLAVIO PRADO, COMENTÁRIOS DE CLAUDIO CARSUGHI E REPORTAGENS DE JOÃO ANTONIO DE CARVALHO

ver mais notícias

Selecione a letra para o filtro

  • Tabela

  • BRASILEIRÃO 2019

  • Classificação
    Pontos
  • 1 Bah
    0
  • 2 Atl
    0
  • 3 Cor
    0
  • 4 Spo
    0
  • 5 Red
    0
  • Veja tabela completa

ÚLTIMOS CRAQUES