Edvaldo

Ex-lateral do Vitória e Flamengo
Por Raphael Cavaco
 
Nascido no dia 30 de maio de 1948, na capital alagoana, Edvaldo Cassimiro Afonso foi um ex-lateral-direito que rodou o Brasil entre 1967 e 1981 e faleceu em Mauá, na Grande São Paulo, no dia 7 de abril de 2019, aos 70 anos.

Teve cinco filhos (quatro mulheres) e um neto. Após encerrar a carreira ele foi morar com a esposa em Mauá (SP), onde foi criado na juventude. Ele chegou a trabalhar como professor de uma escolinha de futebol da prefeitura local, ao lado de Benetti, ex-volante do Vasco e testemunha ocular do milésimo gol de Pelé, em 1969, no Maracanã. Naquela vitória do Santos por 2 a 1, ele, Benetti, que morreu em 2012, marcou o único gol vascaíno.

Em campo, Edvaldo tinha características ofensivas, mas lamenta não ter tido um bom empresário que guiasse melhor sua carreira. "Não consegui juntar um tostão como jogador. Encerrei a carreira só com a calça do corpo", costuma dizer.

Torcedor fanático do Corinthians, Edvaldo teve passagens pelos times profissionais do Piraju Futebol Clube (SP), Jandaia (PR), Flamengo, Grêmio Maringá (PR), América de São José do Rio Preto (SP), Rio Preto (também de São José do Rio Preto), Atlético (PR), Moto Clube (MA), Uberlândia Esporte Clube, Atlético Goianiense, Itabuna (BA), Atlético de Lagoinhas (BA) e Vitória (BA) e pendurou as chuteiras neste último, em 1981.

No clube flamenguista, o ex-lateral atuou como reserva por apenas seis meses, em 1970. Entrou em poucas partidas, mas fez bons amigos, como Zanata, Branco e Fio Maravilha. Seus principais títulos são um estadual paranaense pelo Grêmio Maringá e outro maranhense no Moto Clube.

ver mais notícias

Selecione a letra para o filtro

  • Tabela

  • BRASILEIRÃO 2019

  • Classificação
    Pontos
  • 1 Fla
    77
  • 2 Pal
    67
  • 3 San
    64
  • 4 Grê
    56
  • 5 São
    52
  • Veja tabela completa

ÚLTIMOS CRAQUES