Carlos Fred, o Mito

Ex-narrador esportivo

por Túlio Nassif

Carlos Frederico Costa Carneiro, o popular Carlos Fred ou "Mito", dono do bordão "a bola corre com o tempo" e famoso por se referir a bola com carinho ao chamá-la de "moça branca" em suas transmissões, nasceu em 1951, no Ceará. Morreu no dia 17 de outubro de 2016, em Fortaleza, vítima de um infarto fulminante. Eloquente, de boa fala, era exemplo de profissional, generosidade, de carisma e amizade junto ao torcedor do time de seu coração, o Fortaleza EC, e a todos que o conheciam.

O começo de sua carreira foi construído na Rádio Dragão do Mar, em 1969. De lá, nasceu uma carreira de sucesso que viria a vingar em várias emissoras, como a Rádio Uirapuru, Rádio Cidade, Ceará Rádio Clube e Rádio Verdes Mares, veículos onde teve o prazer de cobrir as Copas de Mundo de 1986, 1990, 1994 e 1998. Trabalhou também, como comentarista esportivo na TV Diário.

Entre suas narrações memoráveis, está a do jogo em que o Fortaleza venceu o Avaí por 2 a 0, na qual conquistou o acesso para a Série A do Campeonato Brasileiro, no dia 11 de dezembro de 2004.

Outro momento importante da sua carreira foi narrar a decisão da Copa do Nordeste de 2015, vencida pelo Ceará após vitória por 2 a 1 sobre o Bahia.

Em 2016, estava a serviço da Rádio Tribuna Band News FM, onde era a voz incumbida de transmitir os jogos de Ceará e Fortaleza. Além de analisar e comentar diariamente o esporte no programa Tribuna Band News Esporte. Seu último trabalho ocorreu com a transmissão derradeira do jogo entre Fortaleza e Juventude, no dia 9 de outubro de 2016, na Arena Castelão, pela Série C do Campeonato Brasileiro. Na ocasião, o Tricolor fora eliminado e não conseguiu o acesso à Série B.

ver mais notícias

Selecione a letra para o filtro

  • Tabela

  • BRASILEIRÃO 2019

  • Classificação
    Pontos
  • 1 Bah
    0
  • 2 Atl
    0
  • 3 Cor
    0
  • 4 Spo
    0
  • 5 Red
    0
  • Veja tabela completa

ÚLTIMOS CRAQUES