Bird Clemente

Lenda do automobilismo brasileiro
por Marcos Júnior Micheletti
 
O paulistano Bird Clemente é um dos principais nomes do automobilismo brasileiro em todos os tempos, sendo considerado, ao lado de Luiz Pereira Bueno, um dos maiores conhecedores da pista de Interlagos.
 
Nascido em 23 de dezembro de 1937, recebeu este nome do pai, em homenagem ao almirante Richard Bird, conquistador do Pólo Sul.
 
Ingressou no Mackenzie aos 18 anos no curso de Agrimensura, onde conheceu Tito Livio, cujo irmão (Eugênio Martins) já competia de automóvel.
 
Daí em diante foi um passo para começar a frequentar o mundo do automobilismo, principalmente a oficina de Cláudio Daniel Rodrigues, um ponto de encontro dos apaixonados por corridas da época.
 
Foi nesse meio que ficou conhecendo um grande amigo, o saudoso Luiz Pereira Bueno, com quem participou de sua primeira corrida, a II Mil Milhas com um Fiat  Milecento, que tinha ainda João Batista Carneiro na equipe, mas Bird apenas treinou com o carro, uma vez que o mesmo quebrou logo no começo da prova.

Integrou as equipes Vemag e Willys, esta última na condição de piloto profissional, pilotando uma Berlineta Interlagos, ao lado de Wilsinho Fittipaldi e Catharino Andreatta, tri-campeão das Mil Milhas Brasileiras.

Ficou conhecido por seu estilo arrojado e uma habilidade ímpar em deixar o carro derrapar nas quatro rodas, trocando de marcha na curva, o que lhe garantia uma retomada de velocidade muito melhor.

Entre suas vitórias mais importantes, podemos destacar:

Uma prova em ruas de paralelepípedos em Curitiba no ano de 1964 em parceria com Wilsinho Fittipaldi, a bordo de uma Carretera Gordini; em 1967, na prova Almirante Tamandaré, no Rio de Janeiro com o Mark I, derrotando carros considerados superiores, como as Lotus-Europa, o Fitti-Porsche e os Porsches e nas 24 Horas de Interlagos de 1970, formando dupla com seu irmão Nilson Clemente, com Opala.
 
Em 17 de março de 2014 foi um dos homenageados da 5ª edição do Velocult, evento realizado no Conjunto Nacional, na Avenida Paulista, por iniciativa do artista plástico Paulo Soláriz, com o objetivo de preservar a memória do automobilismo brasileiro.

Bird Clemente é pai de quatro filhos: uma mulher do primeiro casamento com Marise e dois homens e outra mulher de seu segundo casamento, com Maria Luiza.
 
Clique aqui e veja como foi a noite de lançamento da exposição de desenhos feitos por Bird Clemente sobre automobilismo, retratando pilotos, jornalistas especializados e carros. O evento aconteceu em 22 de outubro de 2019 na Cristal Pizza Bar.

Foto: Marcos Júnior/Portal TT
 
Quando Bird Clemente completou 77 anos, em 23 de dezembro de 2013, seus familiares prepararam um lindo vídeo, com depoimentos de muitos amigos. Bruno Clemente esteve na redação do Portal Terceiro Tempo para gravar o depoimento de Milton Neves, que de forma humorada, falou sobre o ex-piloto, a partir dos 18 minutos e 30 segundos:
 

Em 20 de maio de 2015, Bird Clemente participou do Bella Macchina, programa de automobilismo do Portal Terceiro Tempo apresentado por Marcos Júnior. Veja a entrevista completa, com produção e edição de Lucas Micheletti

ver mais notícias

Selecione a letra para o filtro

  • Tabela

  • BRASILEIRÃO 2019

  • Classificação
    Pontos
  • 1 Fla
    77
  • 2 Pal
    67
  • 3 San
    64
  • 4 Grê
    56
  • 5 São
    52
  • Veja tabela completa

ÚLTIMOS CRAQUES