Angelo Ananias

Repórter consagrado e diretor geral do Diário de Jacareí

por Túlio Nassif

Angelo Ananias, o Angelo de Paula Ananias, repórter consagrado do jornalismo esportivo, nasceu no dia 2 de agosto de 1961, em São Paulo, capital. É casado com dona Solange Aparecida Moraes Ananias, tem dois filhos dos quais se orgulha muito, a médica Mariana e o engenheiro da computação Pedro Henrique. Em 2016 seguia residindo em Jacareí, interior de São Paulo, município que viveu as melhores épocas de sua infância, pois se mudara para lá aos 10 anos de idade. Lá, é dono e diretor geral do “Diário de Jacareí” (clique aqui e acesse a página online do jornal).

Em 10 de julho de 2017, Angelo foi anunciado como âncora do jornal Piratininga, da Rádio Piratininga, em Jacareí. 

Iniciou sua carreira na Rádio Clube de Jacareí, em 1977 e permaneceu até 1980, quando foi para a Rádio Piratininga de São José dos Campos-SP. Após um ano, pelas mãos do locutor esportivo José Carlos Guedes, Angelo foi indicado para a Rádio Jovem Pan. Em dezembro de 1981, passou a integrar o corpo de repórteres da emissora, onde ficou até outubro de 1984.

Saiu da Jovem Pan porque fora contratado pela Rádio Gazeta, onde teve um desempenho acima do esperado e viveu momentos memoráveis, como por exemplo a experiência de cobrir a sua primeira Copa do Mundo, a de 1986, no México. No entanto, em dezembro desse ano, sua carreira deu um grande salto. Angelo teve uma oportunidade na Rádio Globo/CBN e a agarrou com todas as forças. Empunhou o microfone global do dia 1 de janeiro de 1987 até 20 de janeiro de 1993.

Abandonou o rádio para se dedicar ao bem-estar de sua cidade e no período do dia 1 de janeiro de 1993 a 31 de dezembro de 1996, foi Secretário Municipal de Comunicação de Jacareí. Porém, em paralelo com esta função, trabalhou na TV Manchete entre 1993 a 1994 e teve como grande companheiro o narrador Osmar Santos, que justamente neste período, se acidentou.

De 1996 a 1998 ficou trabalhando com rádio, mas por conta própria. Todavia, o talento de Angelo precisava resgatar a notoriedade que sempre teve e, no dia 11 de outubro de 1998, retornou para a CBN. E não poderia ter sido melhor sua segunda passagem por lá. Foi de repórter a âncora e de âncora a coordenador. Desempenhou um lindo trabalho com os programas “Globo na Rede” e “Balanço Final”. Ao todo, foram quase nove anos na emissora, pois no dia 1 de junho de 2007, voltou à Jacareí.

E no dia 1 de novembro de 2007, comprou o tradicional jornal da cidade, o “Diário de Jacareí”. Após algum tempo, inovou. Com a ajuda de seu filho, o jornal ganhou sua versão online e passou a ter um endereço na internet em junho de 2008.

A carreira de Angelo no jornalismo é algo de que ele pode se orgulhar e muito. Atuou com nomes importantíssimos, como Osmar Santos, José Silvério, José Carlos Guedes, Nilson César, Oscar Ulisses, Pedro Luiz Paoliello, Márcio Bernardes, Cândido Garcia, Luís Carlos Quartarollo, Romeu César, Osvaldo Luís, Osvaldo Pascoal, Milton Neves e muitos outros. A única lamentação de Angelo, é não ter tido a chance de trabalhar com o saudoso e inesquecível Fiori Gigliotti.

Além disso, Angelo cobriu as Copas de 1986, 1990, 2006 e 2014, o Mundial de Clubes de 2005 conquistado pelo São Paulo, Campeonatos Paulistas e Brasileiros, Copa do Brasil, Sul-Americana e Libertadores.

ver mais notícias

Selecione a letra para o filtro

  • Tabela

  • BRASILEIRÃO 2019

  • Classificação
    Pontos
  • 1 Fla
    77
  • 2 Pal
    67
  • 3 San
    64
  • 4 Grê
    56
  • 5 São
    52
  • Veja tabela completa

ÚLTIMOS CRAQUES