Alessandro

Ex-lateral de Corinthians e Flamengo
Alessandro Mori Nunes, lateral-direito revelado pelo Flamengo no início dos anos 2000 e que teve passagens também por Corinthians, Palmeiras, Santos e Grêmio, pendurou as chuteiras no final da temporada 2013.
 
Foi anunciado em janeiro de 2014 como coordenador técnico do Timão, cargo que ocupou até 3 de janeiro de 2018.

Nascido no dia 10 de janeiro de 1979, em Assis Chateaubriand-PR, Alessandro iniciou sua carreira nas categorias de base do Flamengo. Se firmou como titular da equipe na temporada 2001, ano em que o Flamengo conquistou o Campeonato Carioca e a Copa dos Campeões.

Em 2003, foi emprestado ao Palmeiras, onde permaneceu por apenas três meses, até ser negociado com o Dínamo de Kiev. Ficou pouco tempo na Ucrânia, já que rapidamente foi emprestado ao Cruzeiro, em 2004, e ao Grêmio, em 2005.

Voltou a apresentar bom futebol no Tricolor gaúcho, sendo um dos principais atletas da campanha vitoriosa na Série B, em 2005. Em 2007, foi contratado pelo Santos, onde logo conquistou seu primeiro Campeonato Paulista.

Em 2008, acertou sua ida para o Corinthians, para, novamente, faturar um Campeonato Brasileiro da Série B. No ano seguinte, era o titular também da equipe campeã do Paulistão e da Copa do Brasil, que contava com a ilustre presença de Ronaldo "Fenômeno?.

Foi um dos atletas mais criticados quando o Timão fracassou em todas as competições de 2010, ano de seu centenário, e na pré-Libertadores de 2011, quando foi eliminado pelo Tolima-COL. No entanto, permaneceu no clube e foi o capitão da conquista do quinto título brasileiro do time do Parque São Jorge, naquela mesma temporada.

Passou muito perto de, mais uma vez, se tornar vilão da torcida corintiana. Foi ele quem perdeu a bola na partida contra o Vasco que deixou Diego Souza cara a cara com o goleiro Cássio, nas quartas-de-final da Libertadores 2012. No entanto, para a sorte do lateral, o arqueiro conseguiu realizar a defesa. E o Alvinegro, enfim, conseguiu conquistar a Libertadores, com o capitão Alessandro levantando mais uma taça.

Em 2013, Alessandro fez parte do grupo corintiano que conquistou o Campeonato Paulista. Na grande final, uma vitória e um empate diante do Santos e a consagração do 27º título estadual do Timão. Ainda no mesmo ano, no dia 17 de julho, foi campeão da Recopa sobre o São Paulo.
ver mais notícias

Selecione a letra para o filtro

  • Tabela

  • BRASILEIRÃO 2019

  • Classificação
    Pontos
  • 1 Fla
    77
  • 2 Pal
    67
  • 3 San
    64
  • 4 Grê
    56
  • 5 São
    52
  • Veja tabela completa

ÚLTIMOS CRAQUES