William Capita

O Capitão do Corinthians e Grêmio

por Tufano Silva

William Machado de Oliveira, o William, o inteligente zagueiro que foi capitão do Corinthians e do Grêmio, quando ambos os clubes foram treinados por Mano Menezes. Em janeiro de 2018, foi anunciado como gerente técnico de futebol do Santos FC, cargo que ocupou até o dia 6 de julho do mesmo ano, quando pediu demissão do clube.

Atualmente trabalha no setor de investimentos, sendo certificado pela Ancord como Agente Autônomo de Investimentos.

Carreira

Nascido em Belo Horizonte-MG no dia 24 de agosto de 1976, William começou no futebol profissional em 1997, no Sete de Setembro, clube de sua terra natal. Após duas temporadas no time da capital mineira, o defensor acertou sua transferência para a Desportiva Capixaba-ES.

Após passar poucos meses na equipe do Espírito Santo, William rodou por Ipatinga-MG, Cruzeiro, Cabofriense-RJ, América-MG, Francana-SP, Portuguesa, Joinville e Sport, até se firmar no Grêmio, em 2006.

Nesta temporada, foi o líder do time que conquistou o Campeonato Gaúcho e ficou com o terceiro lugar do Brasileirão.

William era o homem de confiança do técnico Mano Menezes, que tinha acabado de acertar sua ida para o recém-rebaixado Corinthians. A contratação do zagueiro gremista foi um dos primeiros pedidos do comandante ao presidente do Timão, Andrés Sanchez.

Logo que chegou, assumiu o posto de capitão e foi um dos grandes responsáveis pela bela campanha do time do Parque São Jorge na Série-B do Brasileirão 2008. No ano seguinte, com o Timão fazendo um primeiro semestre avassalador, o "Capita?, como é conhecido, levantou duas taças: do Campeonato Paulista e da Copa do Brasil. 

Em 2010, após alguns momentos de incerteza, decidiu deixar o futebol para viajar pelo mundo e estudar a língua inglesa.

"Não jogo o ano que vem, não. Tinha pensado em continuar, mas já estou cansado. Não só meu corpo, mas a cabeça também. É bem difícil eu mudar de ideia de novo?, disse William, meses antes de se aposentar, em uma entrevista coletiva.

No ano de seu centenário, o Corinthians não teve muita sorte. Não conseguiu conquistar nenhum título, e William não pôde realizar um de seus últimos desejos como atleta: deixar o futebol com uma conquista marcante pelo Alvinegro.

No dia 7 de fevereiro de 2011, o ex-defensor foi anunciado como o novo gerente de futebol do Corinthians. O ex-jogador pediu demissão com menos de um mês no cargo, em função de divergências com o presidente Andrés Sanchez.

Foto: iG

Na próxima página, veja a carta de agradecimento de William ao torcedor corintiano

 Bom dia, Fiel Torcida!
Hoje é um dia muito especial pra mim. Como a maioria já deve saber decidi encerrar minha carreira de atleta profissional esse ano. Uma decisão já pensada e cogitada desde o fim do ano passado. Assim, hoje será meu último jogo diante de vocês, fieis torcedores.
Escrevo essa carta apenas para agradecer a todos o apoio e carinho que me deram. Mesmo as criticas sempre foram por mim analisadas e, com algumas, até concordei com quem as fazia.
Foram 3 anos de muita luta, muita dedicação e muita responsabilidade. Ser jogador do Corinthians é muito difícil. Ser capitão é ainda mais difícil. Principalmente pelo momento em que cheguei ao clube. Felizmente obtivemos conquistas dentro e fora do campo. O Corinthians hoje é mais forte do que era e será ainda mais forte no futuro pelas mudanças estruturais que a diretoria vem implementando.
Já sinto saudade da energia que vem das arquibancadas do Pacaembu e de ouvir os gritos de incentivo que nos inflama dentro de campo.
Procurei esse ano não pensar muito que seria o último justamente pra não atrapalhar meu desempenho em campo. Confesso que não consegui fazer isso em todos os jogos. Uma ansiedade muitas vezes tomava conta de mim e me atrapalhava bastante. Peço desculpas por isso.
Hoje minha maior vontade é que vençamos e que eu faça uma partida impecável, mas a vitória é mais importante do que qualquer coisa. Mais até do que meu desejo em fazer uma partida perfeita.
Bom, é isso Fiel. Esse é o agradecimento de um homem, que um dia ainda criança, sonhou jogar e encerrar a carreira em uma grande equipe brasileira. Meu sincero agradecimento a todos que de alguma forma colaboraram para que esse sonho se tornasse realidade.
VAI, PARA SEMPRE, CORINTHIANS!!! 

....

No dia 10 de fevereiro de 2019, William participou do Domingo Esportivo Bandeirantes. Confira a íntegra da entrevista:

 

 

ver mais notícias

Selecione a letra para o filtro

  • Tabela

  • BRASILEIRÃO 2019

  • Classificação
    Pontos
  • 1 Fla
    90
  • 2 San
    71
  • 3 Pal
    71
  • 4 Grê
    65
  • 5 Ath
    63
  • Veja tabela completa

ÚLTIMOS CRAQUES