Mineiro

Ex-volante da Ponte, São Paulo e Seleção Brasileira
por Túlio Nassif

Conhecido por fazer excelentes roubadas de bola, sem fazer falta em seus adversários, Carlos Luciano da Silva, o Mineiro, apesar do apelido que tem, nasceu em Porto Alegre-RS, no dia 2 de agosto de 1975.

Em setembro de 2011, ele acertou com TuS Koblenz, clube pelo qual encerrou sua carreira em 2012.

Aos 21 anos de idade, iniciou sua carreira, passando pelo Internacional e meses mais tarde pelo Rio Branco de Americana, onde rapidamente seu futebol ganhou notoriedade e reconhecimento.

Por tal motivo, no ano de 1997 se transferiu para o Guarani. No bugre, foram somente 24 jogos para que seu maior rival, a Ponte Preta, se interessar e contratar o volante. Ficou em Campinas defendendo a Macaca por mais cinco anos.

Integrou o quase imbatível time do São Caetano, durante os anos de 2003 e 2004. No Azulão, conquistou um Campeonato Paulista.

Foi trazido ao São Paulo em 2005 a pedidos do então técnico Émerson Leão. Mineiro virou ídolo da torcida ao conquistar o Campeonato Paulista, a Libertadores e o Mundial, todos em 2005. Entrou para a história do clube por ter marcado o gol que deu a vitória para o São Paulo contra o Liverpool-ING, no Mundial de Clubes da FIFA.

Surpreendido com a convocação para a Copa do Mundo de 2006, quando na ocasião substituiu Edmilson que fora cortado devido uma lesão, acabou recebendo constantes críticas, não entrou em nenhuma partida e ainda assistiu a desclassificação do Brasil para a França.

Contudo, no mesmo ano, foi Campeão Brasileiro com São Paulo, fazendo uma incrível campanha.

No início do ano de 2007, deixou o São Paulo e se transferiu para o Hertha Berlim, clube alemão. Ainda no mesmo ano, em junho, foi convocado pelo técnico Dunga para disputar a Copa América, na Venezuela, sagrando-se campeão da competição.

Acertou sua ida para o futebol inglês em 2008, quando mais uma vez, a pedido de um treinador (Luiz Felipe Scolari), trocou de equipe. O técnico brasileiro desejava repor a vaga do contundido ganês Michael Essien.

A história de Mineiro no Chelsea foi curtíssima, marcada apenas pelo jogo de estreia. Logo depois, o volante tentou apagar a má impressão retornando para a Alemanha. Infelizmente, não foi muito diferente no Shalke 04. Depois de poucos jogos e somente uma temporada, foi dispensado.
ver mais notícias

Selecione a letra para o filtro

  • Tabela

  • BRASILEIRÃO 2019

  • Classificação
    Pontos
  • 1 Int
    12
  • 2 Vas
    10
  • 3 Atl
    9
  • 4 São
    10
  • 5 Pal
    8
  • Veja tabela completa

ÚLTIMOS CRAQUES