Márcio Canuto

Grande jornalista e repórter nordestino
por Túlio Nassif

Luiz Márcio Accioly Canuto, mais conhecido como Márcio Canuto, foi repórter da Rede Globo durante 21 anos. Ele anunciou sua aposentadoria no dia 12 de julho de 2019, aos 73 anos.
 
Canuto nasceu em Maceió-AL, no dia 9 de abril de 1946. Residindo em São Paulo desde março de 1998, Canuto tem dois filhos (Mariana e Pedro Luiz) e é casado com dona Líbia Mafra.

Márcio Canuto iniciou carreira no extinto Diário de Alagoas em 1963, com apenas 17 anos de idade.

Atuou em diversos veículos de comunicação, tais como: o Diário de Alagoas (em 1963), Gazeta de Alagoas, Jornal da Tarde de São Paulo (foi correspondente no auge de uma redação memorável, na década de 70), Rádio Gazeta, Rádio Difusora, além de ser correspondente de vários jornais do país.

Há anos Canuto foi convidado a mudar-se para São Paulo e trabalhar na Rede Globo local. O bem-humorado jornalista se apaixonou pela metrópole e não a abandonou.

Canuto, com seu jeito irreverente de lidar com o público e de fazer suas reportagens, ganhou o coração da população e da capital ao se autodenominar "fiscal do povo", no jornal SPTV da Rede Globo. Canuto frequentava os bairros mais distantes da cidade para escutar as reclamações e ajudar a resolver os problemas que afetam diretamente a vida dos paulistanos.

Márcio Canuto participou do Domingo Esportivo da Rádio Bandeirnates em 6 de outrobr de 2019, quando foi entrevistado por Milton Neves. Ouça, no player abaixo:

ver mais notícias

Selecione a letra para o filtro

  • Tabela

  • BRASILEIRÃO 2019

  • Classificação
    Pontos
  • 1 Fla
    77
  • 2 Pal
    67
  • 3 San
    64
  • 4 Grê
    56
  • 5 São
    52
  • Veja tabela completa

ÚLTIMOS CRAQUES