Leandro Ávila

Ex-volante dos quatro grandes do Rio

Por Eliana Santos

O ex-volante Leandro Coronas Ávila, o Leandro Ávila, trocou a bola pelas panelas. O gaúcho nascido em Porto Alegre, que defendeu os quatro grandes clubes do futebol carioca, o Internacional e o Palmeiras, é dono de um restaurante fast-food em um shopping da zona oeste do Rio.

O ex-jogador passou a ser chamado pelo nome e sobrenome quando o Flamengo contratou em 1999 o atacante Leandro Machado.
Depois de encerrar a carreira aos 33 anos de idade, no Marília-SP, por causa de um problema crônico no joelho direito, o ex-meio-campista se tornou auxiliar do técnico Edinho Narazeth, mas a falta de estabilidade o afastou do futebol profissional.

"Em dois anos, passei por quatro equipes. Sequer assinava contrato. Cansei de ficar longe da família", explica o carequinha, que chegou a assumir como treinador o CFZ-RJ.

De vez em quando, o campeão brasileiro pelo Botafogo em 95 revê os amigos que fez nos gramados em partidas de showbol, e ainda mostra talento para desarmar com lealdade os adversários. Mas ainda sente dores no joelho operado três vezes.

ver mais notícias

Clubes

1991 - 1995: Vasco da Gama-RJ
1995: Botafogo-RJ
1996: Internacional-RS
1996 - 1997: Palmeiras-SP
1998: Fluminense-RJ
Set/1998 - 2001: Flamengo-RJ
2001: Botafogo-RJ
2002 - Internacional-RS
2003 - 22/01/2004: Al Hilal - Arábia Saudita
2004: Marília-SP

Títulos

Campeonato Carioca: 1992, 1993, 1994
Campeonato Brasileiro: 1995
Taça Guanabara: 1995
Campeonato Carioca: 1999, 2000, 2001
Copa Mercosul: 1999
Copa dos Campeões do Brasil: 2001

Na seleção

Leandro foi convocado para a seleção em 1995 para a disputa da Copa América. Ao todo, o ex-volante vestiu a camisa verde e amarela em oito jogos (sete vitórias e um empate).

Números pelo Verdão e Fla

Leandro Ávila não conseguiu render tudo o que podia no Palmeiras. Algumas lesões o atrapalharam, mas mesmo assim ele fez 50 jogos com a camisa alviverde. Foram 27 vitórias, 10 empates, 13 derrotas e nenhum gol marcado, segundo números do "Almanaque do Palmeiras", de Celso Unzelte e Mário Sérgio Venditti.

Pelo Flamengo, Leandro, mais experiente, viveu um bom momento no Flamengo. Ele atuou pelo rubro-negro em 146 partidas (69 vitórias, 31 empates e 46 derrotas), como revela o "Almanaque do Flamengo", de Roberto Assaf.

Selecione a letra para o filtro

  • Tabela

  • BRASILEIRÃO 2019

  • Classificação
    Pontos
  • 1 Fla
    77
  • 2 Pal
    67
  • 3 San
    64
  • 4 Grê
    56
  • 5 São
    52
  • Veja tabela completa

ÚLTIMOS CRAQUES