Gleides Xavier

Radialista

Por João Antonio de Carvalho

A radialista Gleides Xavier, conhecida como a “rainha do samba”, faleceu aos 50 anos no dia 17 de maio de 2018, depois de ficar internada por mais de 30 dias devido a uma infecção causada por uma pneumonia.

Formada em jornalismo pela Fiam, ela trabalhava na rádio 105 FM e já tinha comandado programas como “Roda de Samba” e “Conexão 105 FM”.

Além da 105 FM, Gleides passou pela Rádio Bandeirantes FM, Alpha FM e Atual FM. Atuou também nas Rádio América, Rádio Iguatemi, Record AM e Rádio Tupi AM. 

 Ela também foi jurada do Carnaval de São Paulo e, na TV, trabalhou como repórter nos programas “Domingo da Gente” e Note e Anote”, da TV Record, além de ter sido jurada do Concurso Nacional de Pagode no “Show da Gente”, do SBT. 

No dia 19 de maio de 2018, a Folha de S.Paulo publicou o seguinte texto sobre Gleides Xavier:

Mortes: Radialista, era conhecida como a rainha do samba

Ajudou a emplacar nomes consagrados como Exaltasamba, Negritude Júnior e Raça Negra

Kelly Mantovani

SÃO PAULO

Gladys era apaixonada pelo mundo do samba. Comunicativa, sempre ajudava a divulgar os amigos cantores e compositores.

Foi assim que a paulistana de Perdizes (na zona oeste) encontrou a sua vocação nas ondas do rádio, adotando Gleides Xavier como nome artístico.

Começou a carreira no final dos anos 1980, apresentando programas sobre samba na extinta Rádio Brasil 2.000.

Por alguns anos, conciliou a rotina agitada com o curso de jornalismo na FIAM, onde se formou na década de 1990.

Em mais de 30 anos de profissão, passou pelas rádios América, Band FM, Record, Tupi AM e 105 FM -- onde estava atualmente.

Versátil, por um tempo chegou a ser produtora e apresentadora de televisão na TV Record, na Band e na Rede Brasil.

 

 

ver mais notícias

Selecione a letra para o filtro

  • Tabela

  • BRASILEIRÃO 2019

  • Classificação
    Pontos
  • 1 Pal
    13
  • 2 Atl
    12
  • 3 São
    11
  • 4 San
    10
  • 5 Int
    9
  • Veja tabela completa

ÚLTIMOS CRAQUES