Alexandre Guimarães

Ex-jogador e técnico da Costa Rica

por Kaique Lopreto, @kaiquelop

Alexandre Borges Guimarães, conhecido apenas por Alexandre Guimarães, é brasileiro naturalizado costarriquenho que nasceu no dia 7 de novembro de 1959 em Maceió, Alagoas. Ele é ícone do futebol na Costa Rica, já que passou pela seleção de futebol como jogador e como treinador. Em junho de 2019 assumiu o América de Cali, da Colômbia.

Com apenas 11 anos de idade, Alexandre teve que se mudar do Brasil para a Costa Rica devido ao trabalho do pai. Assim, nove anos mais tarde ele estreou no futebol pelo Durpanel San Blas Drapeau. Logo o brasileiro se destacou jogando como meio-campista e, na temporada seguinte, ele se transferiu para o Municipal Puntarenas.

Não demorou para que ele chamasse a atenção de um dos principais times do país, o Deportivo Saprissa. Em 1982, seu primeiro ano Saprissa, ele foi campeão nacional. Título que se repetiu em 1988 e 1989. Dois anos após a última conquista, ele se transferiu para o Turrialba e pendurou as chuteiras em 1992.

Pela Seleção Costarriquenha, Guimarães tem uma história mais extensa. Ele se naturalizou em 1985 para poder atuar com a seleção. Em 1990, eles conseguiram a inédita classificação para a Copa do Mundo e não fizeram feio. Mesmo estreando na competição, eles chegaram às oitavas-de-final.

Após a sua aposentadoria dos campos, ele iniciou sua carreira de treinador. Em 2000, ele assumiu o comando da seleção da Costa Rica e conseguiu classificá-la para a Copa do Mundo que teria dois anos depois. Entretanto, desta vez, os caribenhos não foram tão bem e caíram ainda na primeira fase.

Depois do Mundial, ele passou por clubes do México até voltar à Costa Rica em 2005. Mais uma vez ele conseguiu classificar a seleção para a Copa do Mundo. Pela segunda vez seguida, os costarriquenhos disputariam um Mundial, mas, pela segunda vez seguida, eles foram eliminados na fase de grupos.

Deste modo, ele saiu da Costa Rica e foi treinar a o Panamá. Ele passou dois anos no comando da seleção até que aceitou o desafio de treinar o Al Wals do Emirados Árabes Unidos. No mesmo país ele ainda treinou o Al Dhafra até assinar com o Deportivo Saprissa em 2011. No ano seguinte, ele se transferiu para o Tiajin Teda, da China.

ver mais notícias

Selecione a letra para o filtro

  • Tabela

  • BRASILEIRÃO 2019

  • Classificação
    Pontos
  • 1 Int
    12
  • 2 Vas
    10
  • 3 Atl
    9
  • 4 São
    10
  • 5 Pal
    8
  • Veja tabela completa

ÚLTIMOS CRAQUES