Equipe do Canindé massacrou o Alvinegro e viveu uma boa temporada. Foto: Reprodução

Equipe do Canindé massacrou o Alvinegro e viveu uma boa temporada. Foto: Reprodução

Um dos grandes momentos vividos pela Portuguesa de Desportos aconteceu na tarde de 6 de julho de 1975, quando a equipe comandada pelo saudoso treinador Otto Glória (1917-1986) derrotou o Corinthians por 5 a 1 no Pacaembu, jogo válido pelo Campeonato Paulista. O Timão era treinado por Dino Sani.

A Lusa abriu cinco gols de vantagem, três deles no primeiro tempo: dois de Dicá (o primeiro de pênalti) e Zé Maria contra. Na etapa final, Enéas (1954-1998) fez os outros dois tentos do time do Canindé. O Corinthians marcou seu gol de honra com o atacante Zé Roberto (1945-2016).

O Campeonato Paulista de 1975 acabou sendo conquistado pelo São Paulo, que derrotou justamente a Portuguesa na decisão, em dois jogos. No primeiro, vitória tricolor por 1 a 0, gol de Pedro Rocha (1942-2013).

A Lusa devolveu o placar na segunda partida, gol de Enéas. Na decisão por pênaltis, 3 a 0 para o São Paulo, gols de Pedro Rocha, Serginho e Chicão (1949-2008). A Portuguesa perdeu as três cobranças, com Dicá, Wilsinho e Tatá.

ATUALMENTE...

Se há quatro décadas a Lusa do Canindé fazia frente aos outros quatro grandes de São Paulo, e rivalizava com demais forças do futebol brasileiro, a situação atual do clube é bastante delicada, mas está fase de reestruturação, em busca de recuperar-se. Atualmente disputa a Série D do Campeonato Brasileiro, e no último Paulista figurou na Série A2, sendo eliminada pelo Água Santa nas quartas de final.

ABAIXO, OS GOLS DE PORTUGUESA 5 X 1 CORINTHIANS, PELA TV CULTURA. NARRAÇAO DO SAUDOSO LUIZ NORIEGA (1930-2012) E REPORTAGENS DE CARLOS EDUARDO LEITE, O DUDU.

FICHA TÉCNICA DA PARTIDA

PORTUGUESA 5 X 1 CORINTHIANS 

CAMPEONATO PAULISTA - 06 DE JULHO DE 1975

Local: Estádio Paulo Machado de Carvalho, (Pacaembu)

Portuguesa: Zecão; Cardoso, Mendes, Calegari e Santos (lsidoro); Badeco e Dicá; Xaxá, Enéas, Tata (Tião Abatiá) e Antonio Carlos. Técnico: Otto Glória.

Corinthians: Luis Antonio; Zé Maria, Baldochi, Cláudio Marques e Wladimir; Russo e Basílio; Vaguinho, Pita (Adilson Miranda), Zé Roberto e Arilson. Técnico: Dino Sani.

Gols: Dicá (pênalti, 20 do 1º), Dicá (33 do 1º), Zé Maria (contra, 40 do1º), Enéas (11 do 2º), Enéas (18 do 2º) e Zé Roberto (28 do 2º), 

Árbitro: Dulcidio Vanderlei Boschilia, 

Renda: Cr$ 399.350,00 (31.041 pagantes)

Antes e depois... À esquerda, o parque aquático em perfeito funcionamento, há alguns anos, na foto de Fatima Hamade Cipriano, sócia da Lusa. À direita, imagem de junho de 2018, enviada por Silvio Moredo, da demolição do parque aquático do Canindé

Últimas do seu time

  • Tabela

  • BRASILEIRÃO 2019

  • Classificação
    Pontos
  • 1 Bah
    0
  • 2 Atl
    0
  • 3 Cor
    0
  • 4 Spo
    0
  • 5 Red
    0
  • Veja tabela completa