Falquinho

Ex-Novo Horizonte e Catanduvense

Antonio Falco Junior, o Falquinho, foi um cabeludo goleiro do Clube Atlético Novo Horizonte e do Grêmio Esportivo Catanduvense nos anos 1970. Em 2022 completou 35 anos na Agência Ambiental da CETESB. O cargo ocupado por Falquinho é o de assistente-executivo da presidência.

Falquinho, que nasceu em 3 de dezembro de 1956 em Novo Horizonte-SP, teve como grande incentivo em seu início de carreira como futebolista o Mundial vencido pela seleção brasileira no México.

Ele começou com o esporte bretão nos campinhos de Novo Horizonte e, mais tarde, em 1973, foi contratado pelo time da cidade, o Clube Atlético Novo Horizonte. No clube de sua cidade, o arqueiro chegou a jogar com Sócrates, e garante que o “Doutor” sempre deixou a impressão de seria um grande jogador e médico.

Na sequência, o goleirão se transferiu para o Grêmio Esportivo Catanduvense, do município vizinho. Lá, foi treinado por Carlos Alberto Silva, que tanto sucesso faria posteriormente em diversos times brasileiros.

Falquinho acredita que tenha sido o primeiro goleiro do Brasil a jogar com uma faixa nos cabelos. Para ele, inclusive, Hugo Orlando Gatti, um dos grandes arqueiros da história da Argentina, o copiou.

Ainda nos anos 1970, no entanto, Falquinho sofreu uma séria contusão no joelho, que acabou abreviando a sua carreira no futebol. Assim, decidiu brilhar na Engenharia. Formado na UNESP de Bauru, Falquinho dedicou sua vida profissional aos cargos conquistados na Agência Ambiental da CETESB.

 

ver mais notícias

Selecione a letra para o filtro

  • Tabela

  • BRASILEIRÃO 2019

  • Classificação
    Pontos
  • 1 Bah
    0
  • 2 Atl
    0
  • 3 Cor
    0
  • 4 Spo
    0
  • 5 Red
    0
  • Veja tabela completa

ÚLTIMOS CRAQUES