Dicão

Ex-centroavante do Corinthians, Santo André e Atlético-PR

por Rogério Micheletti

Valdir de Lima Gonçalves, o Dicão, nascido no dia 2 de setembro de 1963, em Araçatuba (SP), ex-centroavante do Corinthians, do Atlético Paranaense, do Maringá, do Santo André e outros clubes, mora atualmente em Araçatuba, após ter residido em Ribas do Rio Pardo (MS), onde trabalhou como Diretor de Esportes da prefeitura da cidade.

Dicão jogou no Corinthians, de 1981 a 1989, e marcou 15 gols com a camisa do alvinegro. Embora fizesse sucesso quando era emprestado, Dicão nunca conseguiu se firmar no Parque São Jorge, onde sempre foi uma promessa. O curioso é que a torcida corintiana chegou a pedir a sua entrada durante jogo contra o Goiás, em 1984, após Casagrande perder uma penalidade. O Corinthians venceu aquela partida por goleada, 5 a 0, quatro gols de Sócrates e um do próprio Casagrande.

Pela estatura e pelo seu jeito trombador, Dicão se destacava nas bolas altas. Chegou a disputar posição no Corinthians com centroavantes famosos como Casagrande, Lima, Serginho Chulapa e Edmar, talvez por isso tenha tido tantas dificuldades para se fixar como titular. Segundo números do "Almanaque do Corinthians", de Celso Unzelte, Dicão disputou 94 jogos com a camisa alvinegra: 45 vitórias, 26 empates, 23 derrotas e marcou 15 gols.

CAMPEÃO PAULISTA E PARANAENSE NO MESMO ANO

Dicão fez parte do elenco corintiano campeão paulista em 1988. Antes do final da competição, ele foi emprestado para o Atlético Paranaense e também foi campeão estadual jogando pelo Furacão, que tinha como técnico Nelsinho Baptista. Alguns dos companheiros do centroavante no Furacão eram Odemílson (lateral-direito), Adilson (zagueiro que defendeu o Grêmio, Cruzeiro e Corinthians), Cacau (volante ex-São Bento) e Carlinhos (ponta-direita ex-Cruzeiro).

ver mais notícias

Selecione a letra para o filtro

  • Tabela

  • BRASILEIRÃO 2019

  • Classificação
    Pontos
  • 1 Bah
    0
  • 2 Atl
    0
  • 3 Cor
    0
  • 4 Spo
    0
  • 5 Red
    0
  • Veja tabela completa

ÚLTIMOS CRAQUES