Ademar Pantera

Ex-atacante do Palmeiras, Flamengo e Flu
Ademar Miranda Júnior, o Ademar Pantera, ex-centroavante da Prudentina, Palmeiras, Flamengo, Fluminense, Coritiba e Uberaba, morreu no dia 30 de novembro de 2001, no Hospital Sírio Libanês, após lutar alguns anos contra uma doença que amolece todos os músculos do corpo.

Ademar Pantera, que nasceu no dia 31 de outubro de 1941, era um dos ex-atletas que trabalhava com escolinhas de futebol da prefeitura de São Paulo.
 
Flamenguista de coração, Ademar Pantera morreu guardando mágoa dos cartolas palmeirenses, que, segundo ele, nunca manifestaram interesse em ajudá-lo.

E seu apelido Pantera provocou outro apelido parecido para Dario Alegria, o Dario Gordo, que veio do América de Minas. Dario, mineiro de Paracatu, passou a ser chamado de Dario Leopardo.

No ano de 1966 por pouco Ademar Pantera não foi convocado para a Copa do Mundo da Inglaterra. O que tirou o centroavante do Mundial foi a fratura de sua perna direita durante um jogo entre Palmeiras e Botafogo de Ribeirão Preto. Ele sofreu a contusão após disputar uma jogada com o zagueiro Baldocchi, que estava começando a sua carreira no tradicional Pantera.
ver mais notícias
Pelo Palmeiras:

Atuou em 133 jogos, sendo 80 vitórias, 23 empates e 30 derrotas. Marcou 85 gols.
Fonte: Almanaque do Palmeiras, de Celso Unzelte e Mário Sérgio Venditti.

Pelo Flamengo:

Atuou em 44 jogos, sendo 11 vitórias, 10 empates e 23 derrotas. Marcou 30 gols.
Fonte: Almanaque do Flamengo, de Clóvis Martins e Roberto Assaf.

Selecione a letra para o filtro

  • Tabela

  • BRASILEIRÃO 2019

  • Classificação
    Pontos
  • 1 Fla
    77
  • 2 Pal
    67
  • 3 San
    64
  • 4 Grê
    56
  • 5 São
    52
  • Veja tabela completa

ÚLTIMOS CRAQUES