Treinador brasileiro destacou sua identificação com o clube argentino. Foto: Gustavo Aleixo/Cruzeiro

Treinador brasileiro destacou sua identificação com o clube argentino. Foto: Gustavo Aleixo/Cruzeiro

Histórico técnico brasileiro, campeão do mundo com a seleção e ídolo de Palmeiras e Grêmio, Luiz Felipe Scolari gostaria de encerrar sua carreira trabalhando em outro país. Em entrevista ao programa Super Deportivo, da Rádio Villa Trinidad, da Argentina, Felipão revelou que gostaria de ter seu último ato como treinador no Boca Juniors.

“Acho que há uma identificação minha com o Boca, seria uma ótima possibilidade de treinar (o clube)”, afirmou o técnico brasileiro.

O nome de Scolari foi cogitado para assumir o clube xeneize tempos atrás. Em 2020, durante o processo eleitoral do Boca, um dos candidatos, José Berardi, colocou o treinador brasileiro como favorito a assumir o clube caso vencesse o pleito. Berardi acabou derrotado, mas Felipão manteve o desejo de trabalho no clube argentino.

“Um ano atrás, quando o clube teve eleições, tive a chance de dirigir o Boca, mas essa oportunidade foi passada. Além do Brasil, nunca tive a oportunidade de dirigir na América do Sul e seria o ideal para terminar minha carreira por lá”, afirmou Felipão.

CLIQUE AQUI E RELEMBRE A CARREIRA DE FELIPÃO NA SEÇÃO "QUE FIM LEVOU?"

Últimas do seu time

  • Tabela

  • BRASILEIRÃO 2019

  • Classificação
    Pontos
  • 1 Bah
    0
  • 2 Atl
    0
  • 3 Cor
    0
  • 4 Spo
    0
  • 5 Red
    0
  • Veja tabela completa