Valdir Espinosa

Ex-lateral do Grêmio e treinador

por Rogério Micheletti e Milton Neves

Valdir Atahualpa Ramirez Espinosa, ou simplesmente Valdir Espinosa, foi lateral-direito do Grêmio no começo dos anos 70 e trabalhou como treinador de futebol até o começo de 2010, mais especificamente como auxiliar-técnico de Renato Gaúcho, no Fluminense, quando anunciou sua aposentadoria.

Morreu no dia 27 de fevereiro de 2020, aos 72 anos de idade. Espinosa não resistiu a complicações de uma cirurgia na região do abdômen realizada no dia 17 do mesmo mês.

Em 18 de setembro de 2016, Espinosa foi contratado como coordenador de futebol do Grêmio, cargo que ocupou até 10 de agosto do ano seguinte, quando foi demitido. 

Em 12 de dezembro de 2019 foi contratado pelo Botafogo-RJ para a gerência de futebol do clube.

Valdir Espinosa também mantém um blog (clique aqui e conheça), onde costuma postar vídeos comentando futebol.

Entre os títulos mais importantes como treinador, Espinosa tem o Mundial Interclubes de 83 e Libertadores do mesmo ano, ambos pelo Grêmio, e o Carioca de 1989, pelo Botafogo.

Em 2005, depois de comandar o Brasiliense (DF), Valdir Espinosa teve passagem pelo Ceará e após a demissão do técnico Hélio dos Anjos, assumiu o Fortaleza em meados de outubro. Antes do final do ano, ele foi contratado para dirigir o Flamengo na temporada de 2006.  "Aceitei o convite do Flamengo porque tenho um desafio próprio. Quero ser campeão no clube", falou, à época, o treinador, que após alguns resultados ruins deixou o time da Gávea.

Em 2007, foi para o Paraguai, onde conquistou o vice-campeonato nacional pelo Cerro Portenho. No mesmo ano, já no final da temporada, chegou a dirigir o Vasco da Gama. Ele deixou São Januário em dezembro. Sete meses depois, em julho de 2008, assumiu a Portuguesa no lugar de Vágner Benazzi, demitido pela diretoria. Um mês depois, a derrota por 4 a 2 no clássico contra o Palmeiras custou o emprego do ex-lateral, substituído por Estevam Soares.

Em 7 de dezembro de 2015 foi anunciado como técnico do Metropolitano, de Blumenau, Santa Catarina, clube da Série D do Campeonato Brasileiro.

Como jogador, Valdir Espinosa, que é natural de Porto Alegre (RS), onde nasceu no dia 7 de outubro de 1947, ficou mais conhecido por jogar no Grêmio Portoalegrense. Defendeu o Tricolor gaúcho entre 1971 e 1972. Depois, ele se transferiu para o CRB (Alagoas), Esportivo de Bento Gonçalves (RS) e encerrou sua carreira nos gramados pelo Vitória (BA).

O ponta-direita Renato Gaúcho, grande herói do Grêmio nas importantes conquistas tricolores de 83, nunca deixou de elogiar a postura de Valdir Espinosa, que sempre foi considerado um "paizão" dos jogadores.

Além dos gremistas, Espinosa deixou boas lembranças aos torcedores do Botafogo. Em 1989, o ex-lateral comandou o time alvinegro que acabou com o jejum de títulos. O Glorioso, com gol do ponta-direita Maurício, derrotou o Flamengo, no Maracanã, por 1 a 0.

Fã da seção

Valdir Espinosa é um apaixonado pela seção "QUE FIM LEVOU?" e no dia 28 de setembro de 2007, logo após o Vasco (comandado por ele) derrotar o Corinthians, 1 a 0, no Pacaembu, declarou: "É um trabalho fantástico. Nunca tinha visto algo parecido sobre o Adilson, que jogou comigo nas categorias de base do Grêmio. Só neste site do Milton Neves", falou Valdir Espinosa, entrevistado naquele dia pela Rádio Bandeirantes.

TÍTULOS MARCANTES

Entre suas muitas conquistas, destques para o Mundial de Clubes pelo Grêmio em 1983 e o Campeonato Carioca pelo Botafogo-RJ em 1989, este quebrando um jejum de 21 anos. Clique aqui e veja matéria publicada no Portal Terceiro Tempo sobre as finais destas duas importantes conquistas, com vídeos.

Veja os times que Valdir Espinosa já trabalhou como treinador:

Ceará (Fortaleza-CE) desde 5/07/2005

Brasiliense (Brasília-DF) desde 15/03/2005 a junho/2005 Grêmio (Porto Alegre-RS) - 1983/84 e 1986

Coritiba (Curitiba-PR) - 1988 e 1998

Botafogo (Rio de Janeiro-RJ) - 1989/90/91, 1998 e 1999

Cerro Porteño (PARAGUAI) - 1992 a 1994

Palmeiras (São Paulo) - 1995

Portuguesa (São Paulo-SP) - 1996, 2001

Corinthians (São Paulo-SP) - 1996

Paraná Clube (Curitiba-PR) - 1999

Fluminense (Rio de Janeiro-RJ) - 2000/2001

Vitória (Salvador-BA) - 2001

Atlético Paranaense (Curitiba-PR) - de 24/7/2002 a 10/2002

Riad (ARÁBIA SAUDITA) - até dezembro/2003

Fluminense (Rio de Janeiro-RJ) - de 29/12/2003 a 1/03/2004

Ceará (Fortaleza-CE) - de março de 2005 a agosto de 2005

Fortaleza (Fortaleza-CE) - de agosto de 2005 a dezembro de 2005

Flamengo (Rio de Janeiro-RJ) - 2006

Cerro Porteño (Paraguai) - 2007

Vasco da Gama (Rio de Janeiro-RJ) - 2007

Portuguesa (São Paulo-SP) - 2008

ver mais notícias

Selecione a letra para o filtro

  • Tabela

  • BRASILEIRÃO 2019

  • Classificação
    Pontos
  • 1 Fla
    90
  • 2 San
    71
  • 3 Pal
    71
  • 4 Grê
    65
  • 5 Ath
    63
  • Veja tabela completa

ÚLTIMOS CRAQUES