Manoel Raymundo de Almeida

Cardeal são-paulino
por Eliana Santos

Manoel Raymundo Paes de Almeida, ou simplesmente Manoel de Almeida, ex-cartola do São Paulo, morreu no dia 20 de outubro de 2014, aos 92 anos, na capital paulista.

Industrial nascido em 11 de novembro de 1921, foi um dos fundadores da chamada Grêmio são-paulino, a primeira torcida organizada paulista, que depois viria se transformar na TUSP (Torcida Uniformizada do São Paulo).

Vale dizer que naquela época, em 1939, as pessoas que amavam seus clubes se reuniam nas arquibancadas apenas para torcer, algo bem diferente em relação ao que observamos hoje nas ditas facções uniformizadas.
 
Ele era é um respeitado cardeal do tricolor, sempre ouvido pelos cartolas das novas gerações.

Sua vida política no São Paulo começou em 1941, quando foi eleito membro do Conselho Deliberativo. Em 1960, recebeu o título de benemérito. Atuou também como diretor de futebol, foi membro da comissão que trabalhou em prol da construção do estádio do Morumbi e presidente do Conselho Consultivo entre 1973 e 1980.
ver mais notícias

Selecione a letra para o filtro

  • Tabela

  • BRASILEIRÃO 2019

  • Classificação
    Pontos
  • 1 Fla
    77
  • 2 Pal
    67
  • 3 San
    64
  • 4 Grê
    56
  • 5 São
    52
  • Veja tabela completa

ÚLTIMOS CRAQUES