Andrea Pirlo

Ex-jogador, atual treinador
por Túlio Nassif
 
Andrea Pirlo, mais conhecido como Pirlo, nasceu no dia 19 de maio de 1979, em Flero, província de Bréscia na Itália. Conhecido por geniais passes, dribles e de um preciso arremate de média-longa distância, especialista em bolas paradas, foi um dos grandes líderes da seleção italiana.
 
Em julho de 2020 foi anunciado como treinador do Sub-23 da Juventus (Itália), mas acabou promovido ao time principal em 8 de agosto do mesmo ano, após Maurizio Sarri ser demitido em função da eliminação da equipe da Liga dos Campeões, para  o Lyon (França).
 
RETROSPECTO
 
Pirlo anunciou sua aposentadoria como jogador de futebol no dia 6 de novembro de 2017, após dois anos defendendo o New York City.
 
Iniciou sua carreira em 1992, nas categorias de base do Brescia. Na época, era um meio-campista avançado e, na temporada 1994/1995, teve a oportunidade e atuou na equipe profissional, que acabou sendo rebaixada. Permaneceu no clube até 1997, quando foi destaque e levou de volta o time à elite do Campeonato Italiano.

Foi para a Internazionale em 1998, juntando-se a Ronaldo Fenômeno e Clarence Seedorf (que anos depois voltariam a ser companheiros no Milan), num time recheado de craques.

Sem muitas oportunidades no time Nerazzurri, acabou sendo emprestado, em 1999, para o Reggina. Retornou para a Inter no ano seguinte e novamente foi emprestado, mas dessa vez, ao clube que o revelou, o Brescia.

Em 2001, foi para o Milan, devido seu brilhante início de carreira. Todavia, no Rossonero, foi recuado e se encaixou perfeitamente no meio-campo da equipe, atuando como volante, sendo fundamental para a conquista de vários títulos.

Com participações nas seleções de base da Itália desde 1994, ele foi o único italiano a disputar duas Olimpíadas, em 2000 e 2004, ano em que também disputou a Eurocopa pela seleção principal.

Disputou a Copa do Mundo de 2006, cuja qual, ganhou da Fifa a Bola de Bronze, dado ao terceiro melhor jogador do mundial e ainda levantou a taça de Campeão Mundial.

Sem êxito com o novo técnico Roberto Donadoni, que tentou uma renovação na Azurra na Eurocopa de 2008, já que foram eliminados pela Espanha, Marcello Lippi retornou disposto a apostar nos jogadores mais experientes, dentre eles, Pirlo. Então, com uma fácil classificação para a Copa do Mundo de 2010, na África do Sul, a Seleção Italiana acabou fazendo uma campanha frustrante, onde fora eliminada ainda na primeira fase.

Desde a Copa de 2006, Pirlo não mantinha uma regularidade e colecionou diversas lesões durante esse período.

Enfim, acabou encerrando seu ciclo no Milan após 10 anos, em 2011, quando anunciou que não renovaria seu contrato.

Porém, no dia 24 de maio de 2011, foi anunciado como novo reforço da Juventus de Turim, estabeleceu um contrato de quatro anos.

Chegou desacreditado na La Vecchia Signora, por causa das lesões na última temporada disputada com o Milan (2010/20110). E quem não acreditava no futebol de Pirlo, teve que se render ao atleta. Ele foi o jogador que mais atuou pela Juve em sua primeira temporada, sem contar que foi o grande líder da campanha do time na 28º conquista.

Participou da Eurocopa de 2012, na Polônia e Ucrânia, fazendo belíssima campanha, mas amargou o vice-campeonato, perdendo o título para a Espanha.
 
Jogou ainda a Copa do Mundo de 2014, competição em que a Azzurra foi eliminada ainda na primeira fase.
 
Em quatro anos na Juventus, Pirlo conqusitou todos os títulos italianos que disputou com a camisa bianconera. Na temporada 2014/2015, o volante ajudou a conduzir a Juve à final após 12 anos de ausência. No entanto, a equipe acabou derrotada pelo favorito Barcelona.
 
As lágrimas do quase sempre sério Andrea Pirlo, dava mostras de que aquela poderia ser a última partida do jogador pela Vecchia Signora. E foi.
 
No dia 6 de junho de 2015, o New York City F.C anunciou a contratação do italiano.
ver mais notícias
pIMilan

Campeão Italiano: 2003/2004 e 2010/2011
Coppa Itália: 2002/2003
Supercoppa Italiana: 2004
UEFA Champions League: 2003/2004 e 2006/2007
UEFA Super Cup: 2003 e 2007
Copa do Mundo de Clubes da FIFA: 2007

Juventus

Campeão Italiano: 2011/2012, 2012/13, 2013/14 e 2014/15
Supercoppa Italiana: 2012, 2013
Coppa Italia: 2014–15

Seleção Italiana

Campeonato Europeu de Futebol Sub-21: 2000
Jogos Olímpicos: Bronze em 2004
Copa do Mundo FIFA: 2006

Selecione a letra para o filtro

  • Tabela

  • BRASILEIRÃO 2019

  • Classificação
    Pontos
  • 1 Bah
    0
  • 2 Atl
    0
  • 3 Cor
    0
  • 4 Spo
    0
  • 5 Red
    0
  • Veja tabela completa

ÚLTIMOS CRAQUES