Ex-treinador do Vasco pediu uma atitude da Associação Brasileira de Treinadores de Futebol. Foto: Vasco/Divulgação

Ex-treinador do Vasco pediu uma atitude da Associação Brasileira de Treinadores de Futebol. Foto: Vasco/Divulgação

O técnico Vanderlei Luxemburgo é contra a nova medida da CBF que limita a troca de treinadores na disputa do Campeonato Brasileiro. Em publicação Em congresso técnico realizado na última quarta-feira (24), a CBF determinou que os clubes são poderão trocar de técnicos apenas uma vez ao longo da competição. A mesma coisa vale para os profissionais, que só poderão pedir demissão de um clube e assumir outro em uma única oportunidade.

Em publicação nas suas redes sócias, Luxa criticou o regulamento, afirmou que a medida “não é constitucional”, pois, na sua visão, cerceia o direito dos profissionais trabalharem, e cobrou que a Associação Brasileira de Treinadores de Futebol tome atitudes contra a medida.

“Não sei se isso funciona, a constituição não permite você cercear o direito de trabalho de ninguém. Além disso, acredito também que os clubes não venham a cumprir, porque não é constitucional, não é lei. Deveria partir da ABTF criar uma lei que determinasse uma regra do jogo para os técnicos e a CBF desse a anuência, e não colocar desta forma, como está colocando”, declarou o treinador, que ainda destacou ver lado positivo na medida, desde que melhor formulada.

“Acho legal, sai um primeiro treinador e vem o segundo, mas será que isso vai ser respeitado? Tem que pensar direito, acho legal, mas tem algumas coisas que estão bem em aberto para discussão. Acho isso inexequível, não vejo como vai acontecer. Tomara que aconteça, porque estamos buscando isso há muito tempo no futebol brasileiro, mas vejo com um pouco de dificuldade”, declarou.

CLIQUE AQUI E RELEMBRE A CARREIRA DE LUXEMBURGO NA SEÇÃO "QUE FIM LEVOU?"

Últimas do seu time

  • Tabela

  • BRASILEIRÃO 2019

  • Classificação
    Pontos
  • 1 Bah
    0
  • 2 Atl
    0
  • 3 Cor
    0
  • 4 Spo
    0
  • 5 Red
    0
  • Veja tabela completa