Sem Veríssimo, Cuca escalar Laercio em jogo contra o Grêmio na Libertadores. Foto: Ivan Storti/Santos FC

Sem Veríssimo, Cuca escalar Laercio em jogo contra o Grêmio na Libertadores. Foto: Ivan Storti/Santos FC

Após ver o Santos esfriar as negociações com o Benfica pela sua venda, o zagueiro Lucas Veríssimo pediu para não jogar pelo Santos e deve desfalcar a equipe do técnico Cuca na partida diante do grêmio na próxima quarta-feira (9), pelas quartas de final da Libertadores, em Porto Alegre.

Irritado com as frustradas negociações com o clube português, com o qual já tem um acerto, Veríssimo comunicou ao treinador santista que não quer entrar em campo por não ter cabeça para a decisão. Segundo apuração do Globo Esporte, o desempenho nos jogos contra LDU e Palmeiras também colaboraram para a decisão de Lucas Veríssimo. O zagueiro não aprovou suas atuações nas duas partidas e entende estar prejudicando o time. A notícia pegou todo o clube de surpresa e gerou incomodo em Cuca, que já se manifestou favorável à venda do zagueiro que, segundo ele, é um exemplo dentro do Peixe.

Sem o titular da zaga alvinegra, Cuca esboçou o time do Santos com a entrada do zagueiro Laercio para a partida contra o Grêmio.

Interessado em Veríssimo desde a última janela de transferências do futebol europeu, o Benfica fez proposta de 6,5 milhões (cerca de R$ 41,1 milhões) em cinco vezes. Disposto a aceitar a oferta, o Peixe anteciparia os valores por meio de uma instituição financeira da Bélgica, que cobraria taxa de aproximadamente 5,5% do valor. Desse modo, somando os pagamentos de 10% ao jogador e 15% ao empresário pela intermediação do negócio, o Peixe ficaria com cerca de € 3,8 milhões (cerca de R$ 24,1 milhões) do valor total. O Conselho Fiscal alvinegro reprovou a proposta pelo fato de comprometer gestões futuras.

Últimas do seu time

  • Tabela

  • BRASILEIRÃO 2019

  • Classificação
    Pontos
  • 1 Bah
    0
  • 2 Atl
    0
  • 3 Cor
    0
  • 4 Spo
    0
  • 5 Red
    0
  • Veja tabela completa