Ex-camisa 10 do Barcelona está livre no mercado, mas não será simples conseguir uma nova equipe. Foto: Facebook/Reprodução

Ex-camisa 10 do Barcelona está livre no mercado, mas não será simples conseguir uma nova equipe. Foto: Facebook/Reprodução

Ainda que Lionel Messi esteja livre no mercado para assinar de graça com qualquer clube, não será fácil para as equipes europeias contratarem o camisa 10 argentino, que teve sua saída do Barcelona oficializada na última quinta-feira (5).

Messi deixou o Barcelona por problemas que o clube catalão teria com o Fair Play Financeira de La Liga. E justamente o Fair Play Financeiro pode dificultar a ida do argentino com outra equipe.

Desde que Messi manifestou o desejo de deixar o Barcelona, no final da temporada 2019/20, o Paris Saint-Germain surgiu como um dos principais interessados no camisa 10, contando inclusive com o lobby de Neymar. Dinheiro os franceses têm de sobra, mas a situação não é tão simples. Algo semelhante acontece com o Manchester City, que também já desmonstrou vontade de contratar o craque e, comandado por um grupo milionário, teria bala para bancar Messi. Mas as regras da Uefa complicam o negócio.

A equipe que quiser contar com Messi precisará incluir o salário do argentino em sua folha de pagamentos. Os vencimentos do camisa 10 giram em torno de 80 milhões de euros (valor equivalente a metade do salário anterior do jogador com o Barcelona). Segundo o jornal L´Equipe, da França, esse valor é considerado “irreal” no PSG.

Para ter Messi, o clube interessado precisará comprovar ter receita suficiente para bancar a responsabilidade financeira e comprovar a origem desse dinheiro. Subsidiados a grupos milionários, PSG e City podem até ter o dinheiro no cofre, mas pelas regras da Uefa, o investimento do dono do proprietário num clube não pode ultrapassar 30% da receita total. Desse modo, os donos milionários de PSG e City não podem simplesmente injetar dinheiro nos clubes e assumir o contrato de Messi.

Se quiser o camisa 10 argentino, equipes desse porte precisarão fazer cortes em seu elenco, negociando jogadores importantes que aliviem a folha, dando espaço para o ex-camisa 10 do Barcelona.

Segundo o L´Equipe, se tiver que escolher entre renovar e manter Mbappé ou contratar Messi, o PSG prefere segurar o seu camisa 7. Já no Manchester City a situação é ainda mais complicada, já que os ingleses acabaram de desembolsar 100 milhões de librar para contratar Jake Grealish, do Aston Villa.

Últimas do seu time

  • Tabela

  • BRASILEIRÃO 2019

  • Classificação
    Pontos
  • 1 Bah
    0
  • 2 Atl
    0
  • 3 Cor
    0
  • 4 Spo
    0
  • 5 Red
    0
  • Veja tabela completa