Veira

Ex-ponta do Corinthians e San Lorenzo e treinador
O ponta-esquerda argentino Héctor Rodolfo Veira, o Veira, nascido em Buenos Aires em 29 e maio de 1946, foi uma das maiores promessas do futebol portenho entre as décadas de 60 e 70, tendo sua carreira fortemente vinculada ao San Lorenzo de Almagro, clube pelo qual iniciou, em 1963 e esteve até 1969.
 
O "Bambino" Veira, como era chamado em seus tempos de jogador, facilmente reconhecido pela vasta cabeleira loura, defendeu outras equipes argentinas como o Huracán e Banfield e também do México (Laguna de Torreón) e da Espanha (Sevillia), este entre 1975 e 1976, ano em que assinou contrato com o Corinthians.
 
A contratação de Veira, aliás, foi uma jogada de Vicente Matheus, então presidente alvinegro, que "atravessou" a negociação tida como certa do atleta com o Palmeiras.
 
Veira chegou à equipe de Parque São Jorge por onde havia estado o goleiro Buticce, seu compatriota e amigo de San Lorenzo, e assim como ele não permaneceu no clube por muito tempo, atuando por apenas 20 jogos e marcando quatro gols.
 
Veira não voltou a atuar como jogador profissional na Argentina, passando pelo Universidad de Chile e Oriente Petrolero, da Bolívia, clube pelo qual encerrou sua carreira, em 1978.
 
Teve uma boa carreira como treinador em seu país, iniciando pelo Banfield em 1982 e conquistando vários títulos pelo River Plate, entre eles o bicampeonato argentino (1985/1986), a Libertadores da América em 1986 e a Copa Intercontinental, também em 1986. Também comandou o San Lorenzo na conquista do Clausura em 1995.
 
Foi treinador da seleção boliviana entre 1998 e 2000, após dirigir o Boca Juniors e a última equipe que comandou foi o Quilmes, em 2006 e atualmente reside em Buenos Aires.
ver mais notícias

Selecione a letra para o filtro

  • Tabela

  • BRASILEIRÃO 2019

  • Classificação
    Pontos
  • 1 Bah
    0
  • 2 Atl
    0
  • 3 Cor
    0
  • 4 Spo
    0
  • 5 Red
    0
  • Veja tabela completa

ÚLTIMOS CRAQUES