Osmar

Ex-lateral do São Paulo e Juventus

Osmar, lateral-esquerdo do São Paulo em 1973, 75, 78 e 79, morreu no dia 23 de março de 2020, aos 70 anos, vítima de câncer. Osmar vivia hoje na capital paulista, onde era empresário. Revelado pelo Juventus - formava a famosa dupla de zagueiros Oscar e Osmar -, foi uma grande esperança como lateral-esquerdo, mas as contusões abreviaram sua carreira.

Osmar participou de uma partida histórica entre o Moleque Travesso e o Palmeiras.

No dia 13 de maio de 1972, em jogo válido pelo primeiro turno do Paulistão daquele ano, o Verdão venceu o Juventus por 2 a 1, no Parque Antártica, com gols de Alfredo Mostarda e César Maluco (o atacante Sérgio descontou para o time da Mooca).  Mas o que ficou na lembrança dos torcedores foram os oito cartões vermelhos distribuídos no decorrer da partida. O árbitro José Favilli Neto expulsou Leão, Luís Pereira e César Maluco pelo Palmeiras e Miguel (goleiro), Luis Antônio, Adnan, Oscar e Sérgio pelo Juventus.

Na ocasião, o Verdão do técnico Oswaldo Brandão entrou em campo com Leão, Eurico, Luís Pereira, Alfredo e Zeca; Madurga e Ademir da Guia, Edu (depois Odair), Leivinha, César e Nei.

O Moleque Travesso entrou em campo com Miguel, Chiquinho, Carlos, Oscar e Osmar; Luís Moraes, Brecha, Luís Antônio e Adnan; Sérgio e Ziza.

Em 1973, Osmar foi negociado pelo Juventus e chegou para compor o elenco do São Paulo. Seu futuro promissor foi ofuscado pelo bom futebol que o lateral Gilberto Sorriso apresentava, deixando Osmar sempre na reserva.

Por Gustavo Grohmann e Milton Neves

ver mais notícias

Pelo São Paulo ele atuou em 30 jogos (9 vitórias, 11 empates, 10 derrotas), não marcou nenhum gol e conseguiu o título de campeão paulista de 1975.

Selecione a letra para o filtro

  • Tabela

  • BRASILEIRÃO 2019

  • Classificação
    Pontos
  • 1 Int
    12
  • 2 Vas
    10
  • 3 Atl
    9
  • 4 São
    10
  • 5 Pal
    8
  • Veja tabela completa

ÚLTIMOS CRAQUES