Norival

Ex-zagueiro do Flamengo e Fluminense

por Gustavo Grohmann

Norival Pereira da Silva, marcante zagueiro do Flamengo e do Fluminense anos 40, morreu aos 70 anos de idade em janeiro de 1988 em Nova Iguaçu-RJ, cidade em que morava com a esposa. Ele tinha ma pequena tinturaria em sua própria casa. Norival nasceu no Rio de Janeiro em 5 de junho de 1917. Além de ter defendido  as camisas do Flamengo, Fluminense, América, Bonsucesso, Portuguesa-RJ e Jequié, Norival disputou 20 jogos pela seleção brasileira, entre 1940 e 1946.

Jogou pelo Corinthians em 1949 e encerrou sua carreira em 1951 pelo Atletico Junior de Barranquilla (Colômbia).

O historiador carioca Sérgio Trigo, nos enviou as fotos e o seguinte texto sobre Norival:

Norival começou sua carreira no Madureira, clube que ajudou a projetar. O tricolor suburbano estreou em campeonatos cariocas no ano de 1935, numa época em que o futebol carioca tinha duas ligas.

O Madureira fazia parte da Federação Metropolitana de Desportos, pela qual também jogavam Vasco, Botafogo, Bangu, São Cristóvão, Olaria e Andaraí, e Norival já fazia parte do time principal.

O campeonato da Liga Carioca de Futebol era disputado por Flamengo, Fluminense, América, Bonsucesso, Portuguesa e Jequié.
Em 1937, ano da pacificação do futebol carioca, graças aos esforços do então presidente do Vasco da Gama, Pedro Novaes, e do então presidente do América, Pedro Magalhães, as duas entidades se fundiram, dando origem à Liga de Futebol do Rio de Janeiro, que passou a organizar um só campeonato na cidade.

Aliás, a expressão "Clássico da Paz", como é chamado o confronto Vasco x América, nasceu neste episódio, quando a 31 de julho de 1937 os dois clubes realizaram a primeira partida sob a chancela da nova liga.

Norival permaneceu no Madureira até o ano de 1939. Em 1940, foi contratado pelo Fluminense, que montara um verdadeiro esquadrão no final da década de 30 e conquistara o tricampeonato de 1936/37/38. A seqüência de títulos do tricolor foi interrompida pelo Flamengo em 1939, mas os dirigentes das Laranjeiras voltaram a reforçar o time em busca de novos títulos. Desta forma, o Fluminense foi bicampeão em 1940/41.

Norival esteve presente na conquista do bicampeonato tricolor. Os anos seguintes foram dominados pelo Flamengo, tricampeão em 1942/43/44, mas Norival permaneceu nas Laranjeiras neste período. Somente em 1945 se transferiu para o Flamengo, onde ficou até o ano de 1949, quando encerrou sua longa carreira. No Rubro-negro, Norival não conquistou nenhum título.

Selecione a letra para o filtro

  • Tabela

  • BRASILEIRÃO 2019

  • Classificação
    Pontos
  • 1 San
    32
  • 2 Fla
    30
  • 3 Pal
    30
  • 4 Atl
    27
  • 5 São
    27
  • Veja tabela completa

ÚLTIMOS CRAQUES