Marçal

Ex-zagueiro do Santos, Coxa e Portuguesa Santista
Emerson Marçal, avô de cincos netos, casado com Maria Helena Gonçalvel Marçal, pai de dois filhos Emerson e Ingrid Gonçalves, o excelente zagueiro de área do Santos, nos anos 60 e 70, do Coritiba e da Portuguesa Santista, em 1964 e 1965 ainda mora na cidade que o consagrou para o futebol em 2014.
 
Nascido em Lucélia, no interior paulista, no mês dos craques, precisamente em 11 de outubro de 1944, foi vereador e também trabalhou como Secretário Municipal do ex-prefeito Beto Mansur (1997-2000) e João Paulo Papa (2001-2009) em Santos (SP).
 
Revelado pela  Briosa, impressionou, pois ainda juvenil fez parte do elenco da Rubro-Verde campeã da divisão de acesso em 1964.
 
Em 1967, títular absoluto da Lusinha, foi considerado o melhor zagueiro do Campeonato Paulista e despertou o interesse do Santos Futebol Clube. 
 
Contratado pelo Peixe, tornou-se o primeiro reserva de duas "lendas" da zaga alvi-negra: Ramos Delgado e Joel Camargo. 
 
Notório por sua antecipação diante dos atacantes, atuou por mais de 210 partidas com a camisa do Peixe, sem nunca ter sido expulso e recebeu apenas um cartão amarelo com a gloriosa camisa do alvi- negro da Vila Belmiro.
 
Em 1971, sofreu uma grave lesão, rompendo o ligamento cruzamento do joelho e levou dois anos para se recuperar. Emprestado para o Coxa, em 1973, amargou  a reserva mas se consagrou posteriormente e encerrou a carreira sendo campeão paulista em 1978, com a geração, comandada por Chico Formiga que recebeu a nomenclatura de "Meninos da Vila". 
 
Graduado em duas formações, educação física e administração, trabalhou na Cosipa (Companhia Siderurgica Paulista) por 15 anos,  onde se destacou e refletiu na sua eleição para à Câmara Municipal de Santos. 
 
Colaboração Emerson Marçal
 
VÍDEO EMOCIONANTE

Em 1973, na visita que fizeram ao Egito, para o amistoso diante do Ah-Ahly (o Peixe venceu por 5 a 0), os craques santistas deram uma pausa nos treinamentos e conheceram a Planície de Gizé, nos arredores do Cairo.

Abaixo, veja o emocionante vídeo garimpado pelo historiador Wesley Miranda, que mostra Willians de Jesus, Cláudio Mauriz, Carlos AlbertoTorres, Brecha, Eusébio, Emerson Marçal, Pitico, Marinho Peres, Hermes, o empresário Carlos Sexton, Sérgio Orefice (diretor santista), seu filho Silvio Luiz Orefice, o roupeiro Sabu e o Dr. Daló Salerno se divertindo em um dos principais cartões postais do país:
 

Acompanhe abaixo momentos da campanha do Santos FC no título do Robertão de 1968, num trabalho feito por Wesley Miranda, da ASSOPHIS (Associação dos Pesquisadores e Historiadores do Santos FC).

ver mais notícias

Selecione a letra para o filtro

  • Tabela

  • BRASILEIRÃO 2019

  • Classificação
    Pontos
  • 1 San
    32
  • 2 Fla
    30
  • 3 Pal
    30
  • 4 Atl
    27
  • 5 São
    27
  • Veja tabela completa

ÚLTIMOS CRAQUES