Júlio Amaral

Ex-volante do Palmeiras e Botafogo-RP
Júlio Amaral, ex-volante do Palmeiras nos anos 60, hoje tem uma banca de jornal no bairro do Cambuci, zona sul de São Paulo.

Pai do atacante Leandro Amaral, que já defendeu a Portuguesa, a Fiorentina, o Grêmio, o São Paulo, o Palmeiras e o Corinthians, Júlio era uma espécie de bom reserva de Dudu nos tempos de alviverde.

Júlio defendeu a equipe de Palestra Itália entre 1965 e 1969. Foram 78 jogos com a camisa alviverde, 45 vitórias, 11 empates e 22 derrotas. Marcou nove gols pelo Verdão. Tais números constam do "Almanaque do Palmeiras", de Celso Dario Unzelte e Mário Sérgio Venditti.

E foi no Rio Grande do Sul, quando jogava pelo Grêmio de Porto Alegre, que Júlio conheceu sua esposa, a mãe de seu filho Leandro Amaral. Júlio também teve passagem pelo Botafogo de Ribeirão Preto-SP entre 1969 e 1973.
ver mais notícias

Pelo Palmeiras:

Júlio Amaral defendeu a equipe de Palestra Itália entre 1965 e 1969. Foram 78 jogos com a camisa alviverde, com 45 vitórias, 11 empates e 22 derrotas. Marcou nove gols pelo Verdão. Tais números constam do "Almanaque do Palmeiras", de Celso Dario Unzelte e Mário Sérgio Venditti.

Selecione a letra para o filtro

  • Tabela

  • BRASILEIRÃO 2019

  • Classificação
    Pontos
  • 1 Fla
    77
  • 2 Pal
    67
  • 3 San
    64
  • 4 Grê
    56
  • 5 São
    52
  • Veja tabela completa

ÚLTIMOS CRAQUES