O time rubro-negro saiu na frente, com Rhayner, e viu os corintianos chegarem à igualdade

O time rubro-negro saiu na frente, com Rhayner, e viu os corintianos chegarem à igualdade

Do UOL, em São Paulo

O Corinthians ficou com o gosto amargo do empate por 2 a 2 com o Vitória depois de ver o adversário ir às redes no último minuto. Depois do apito final, o atacante Roger fez críticas à arbitragem. Segundo o jogador, ele não cometeu falta no lance que resultou no gol do time rubro-negro.

"Não tem como não falar: a falta que ele deu eu fui na bola. Depois reclama que jogador brasileiro simula. Quando parar de dar, vão parar de simular. Está difícil, tem de continuar, mas hoje ele errou", disse Roger em entrevista à Rede Globo.

O time rubro-negro saiu na frente, com Rhayner, e viu os corintianos chegarem à igualdade com Jadson ainda na primeira etapa. Roger fez o segundo gol corintianos nos acréscimos, mas Neilton empatou novamente aos 48 minutos da etapa final.

Com o empate, o time do técnico Jair Ventura manteve os três pontos de vantagem sobre o Vitória. Os paulistas somam agora 36 pontos e ocupam a 12ª posição - agora são cinco pontos de vantagem sobre o Ceará, o primeiro time do grupo do descenso.

A equipe baiana foi a 33 pontos e ficou na 16ª posição - os baianos terminarão a rodada na zona de rebaixamento no caso de vitória da Chapecoense sobre o Cruzeiro neste domingo, no Mineirão.

Foto: Daniel Augusto Jr./Agência Corinthians

Últimas do seu time

  • Tabela

  • BRASILEIRÃO 2019

  • Classificação
    Pontos
  • 1 Fla
    77
  • 2 Pal
    67
  • 3 San
    64
  • 4 Grê
    56
  • 5 São
    52
  • Veja tabela completa