Willy Gonser, Jorge Curi (já falecidos) e José Carlos Araújo são alguns destaques

Willy Gonser, Jorge Curi (já falecidos) e José Carlos Araújo são alguns destaques

A Rádio Nacional do Rio de Janeiro, uma das mais tradicionais emissoras do Brasil, faz aniversário neste sábado (12), 84 anos de existência.

A emissora carioca, fundada em 12 de setembro de 1936, hoje pertence à EBC (Empresa Brasil de Comunicação), orgão do Governo Federal que administra emissoras de rádio e tevê educativas do País.

A efervescência musical das décadas de 30, 40 e 50 foi compartilhada com as narrações futebolísticas, e grandes nomes desta área se destacaram, entre eles, Willy Gonser, Jorge Curi (ambos já falecidos) e José Carlos Araújo, o Garotinho, que ainda está na ativa.

Clique nos nomes (em negrito) e acesse suas respectivas páginas na seção "Que Fim Levou?".

WILLY GONSER

 O paranaene Willy Gonser nos deixou recentemente, no último 22 de agosto. aos 80 anos. Trabalhou por muitos anos em Minas Gerais, sendo a grande voz da torcida atleticana, pela Rádio Itatiaia, mas teve uma bela passagens pela Rádio Nacional do Rio de Janeiro, Jovem Pan e Gaúcha.

ABAIXO, NARRAÇÃO EMOCIONANTE DE WILLY GONSER NA FINAL DA CONMEBOL DE 1992, VITÓRIA DO ATLÉTICO-MG SOBRE O OLIMPIA POR 2 A 0, NO MINEIRÃO, PELA RÁDIO ITATIAIA-MG

 


Willy Gonser e Flávio Araújo na sacada do último andar do prédio da rua Paula Souza, antiga sede da Bandeirantes. Foto enviada por Flávio Araújo

JORGE CURY

O saudoso narrador Jorge Curi, mineiro de Caxambu, que nos deixou em 23 de dezembro de 1982, em decorrência de um acidente automobilístico, trabalhou na Rádio Nacional-RJ entre 1943 e 1972. 

E sua família também teve um outro membro conhecido nacionalmente, o cantor Ivon Curi, também falecido.

ABAIXO, JÁ PELA RÁDIO GLOBO, O INESQUECÍVEL JORGE CURI NARRA A DECISÃO POR PÊNALTIS DO CAMPEONATO CARIOCA DE 1977, ENTRE FLAMENGO E VASCO DA GAMA

 

Um histórico registro de um programa da Rádio Nacional, do Rio de Janeiro-RJ, no dia 1º de janeiro de 1969. Jorge Curi (ao centro, de óculos), presta atenção no comentário do companheiro João Saldanha, à direita. Os outros colegas de mesa (alguém nos ajuda na identificação?) se divertem com a explanação de Saldanha, que assumiria o comando técnico da seleção brasileira no mês seguinte. Foto: Folhapress

JOSÉ CARLOS ARAÚJO (GAROTINHO)

Atualmente na equipe da Super Rádio Tupi do Rio de Janeiro, o "carioca da gema" Garotinho, como é carinhosamente chamado, também viveu grandes momentos como narrador da Rádio Nacional do Rio de Janeiro.

Um deles, que selecionamos, é o gol de Rondinelli na final do Campeonato Carioca de 1978, o Flamengo contra o Vasco, que na ocasião tinha Emerson Leão como goleiro.

"Bateu Zico, pelo alto, a bola vem descaindo para o tumulto, subiu Rondinelli, cabeceou entrou!", foram as palavras de José Carlos Araújo, o Garotinho, para o gol histórico do zagueiro rubro-negro.

ABAIXO, O VÍDEO DO GOL DE RONDINELLI COM NARRAÇÃO DE JOSÉ CARLOS ARAÚJO, PELA RÁDIO NACIONAL, NA FINAL DO CAMPEONATO CARIOCA DE 1978

Edmundo conversa com José Carlos Araújo em 17 de maio de 2012, durante o lançamento da Bradesco Esportes FM, no Leopolldo, em São Paulo. Atrás, parcialmente encoberto por Edmundo, está Téo José. E, mais ao fundo, Neto. Foto: Marcos Júnior Micheletti/Portal TT

Últimas do seu time

  • Tabela

  • BRASILEIRÃO 2019

  • Classificação
    Pontos
  • 1 Int
    12
  • 2 Vas
    10
  • 3 Atl
    9
  • 4 São
    10
  • 5 Pal
    8
  • Veja tabela completa