A confiança acontece por causa do contrato feito entre o atacante e a equipe de Campinas. Uma cláusula obriga a Ponte a liberar o atleta em caso de proposta

A confiança acontece por causa do contrato feito entre o atacante e a equipe de Campinas. Uma cláusula obriga a Ponte a liberar o atleta em caso de proposta

O Palmeiras já considera Cafu, atacante da Ponte Preta, como seu novo reforço. Mesmo ainda sem ter todos os documentos assinados, a equipe do Palestra Itália já dá o negócio como certo.

A confiança acontece por causa do contrato feito entre o atacante e a equipe de Campinas. Uma cláusula obriga a Ponte a liberar o atleta em caso de proposta.

Na sua chegada à agremiação de Moisés Lucarelli, um grupo de empresários investiu cerca de R$ 500 mil e usou esse artigo no contrato como forma de garantir retorno do investimento.

Em Campinas, Cafu também já não é mais considerado jogador da Ponte Preta. Uma reunião na tarde da última sexta-feira sacramentou a sua saída. Ele já foi liberado dos treinos. A equipe também aguarda o término do processo burocrático.

Cafu chega como mais uma opção para ser segundo atacante, assim como é o caso de Maikon Leite, que retornou de um empréstimo do México. Ele se juntará a uma lista que já tem oito confirmações: o zagueiro Vitor Hugo, os laterais Lucas e João Paulo, os volantes Amaral, Andrei Girotto e Gabriel, o meia Zé Roberto, e o atacante Leandro Pereira.

Rafael Marques, que vem de uma equipe chinesa, é outro que será anunciado em breve.

Foto: UOL

Últimas do seu time

  • Tabela

  • BRASILEIRÃO 2019

  • Classificação
    Pontos
  • 1 Bah
    0
  • 2 Atl
    0
  • 3 Cor
    0
  • 4 Spo
    0
  • 5 Red
    0
  • Veja tabela completa