Demitido no dia 2 de setembro, Oswaldo revelou que o Peixe ainda lhe deve três meses de salários atrasados e o valor da rescisão contratual

Demitido no dia 2 de setembro, Oswaldo revelou que o Peixe ainda lhe deve três meses de salários atrasados e o valor da rescisão contratual

Nesta segunda-feira, 20 de outubro, em entrevista ao jornal O Estado de S.Paulo, o ex-técnico do Santos, Oswaldo de Oliveira, disse que ainda está magoado com o clube paulista e ainda afirmou que o time nunca pagou o salário em dia.

"Magoado sim, revoltado não. Realmente foi surpreendente, o trabalho vinha sendo desenvolvido, todo mundo sabia que estava acontecendo. Fiquei muito magoado e muito surpreso", revelou o treinador.

Demitido no dia 2 de setembro, Oswaldo revelou que o Peixe ainda lhe deve três meses de salários atrasados e o valor da rescisão contratual.

"Não, nunca pagaram normalmente, sempre atrasou. Nem o primeiro salário eu recebi em dia no Santos. Dava dois (meses), aí quando chegava no terceiro, eles pagavam um (mês), para você ter uma ideia, o último salário que eu recebi foi em maio e eu saí em setembro. Não falam nada, já pedi, já liguei, dizem que não tem dinheiro", contou Oswaldo.

FOTO: UOL

Últimas do seu time

  • Tabela

  • BRASILEIRÃO 2019

  • Classificação
    Pontos
  • 1 Fla
    90
  • 2 San
    71
  • 3 Pal
    71
  • 4 Grê
    65
  • 5 Ath
    63
  • Veja tabela completa