Ex-centroavante do América-RJ dirigia justamente a equipe carioca em 2019. Foto: Divulgação/América-RJ

Ex-centroavante do América-RJ dirigia justamente a equipe carioca em 2019. Foto: Divulgação/América-RJ

O ex-centroavante e treinador Luisinho Lemos, que morreu em 2 de julho deste ano, completaria 67 anos nesta quinta-feira (3).

Ele havia sofrido um infarto oito dias antes enquanto dirigia a equipe do América-RJ na estreia da equipe pela Série B do Campeonato Carioca, contra o Nova Cidade.

E foi justamente pelo América-RJ que Luisinho se destacou, como maior artilheiro da histórica do clube, com 311 gols. Também jogou por Flamengo, Botafogo-RJ, Internacional-RS, Palmeiras e Ferroviária de Araraquara. 

Também conhecido como Luisinho "Tombo", carioca de Niterói, nascido em 3 de outubro de 1952, ele era de uma família de futebolistas, irmão de César Maluco e de Caio Cambalhota.

CLIQUE AQUI E VEJA A PÁGINA DE LUISINHO LEMOS NA SEÇÃO "QUE FIM LEVOU?"

Últimas do seu time

  • Tabela

  • BRASILEIRÃO 2019

  • Classificação
    Pontos
  • 1 Fla
    90
  • 2 San
    71
  • 3 Pal
    71
  • 4 Grê
    65
  • 5 Ath
    63
  • Veja tabela completa