Sócio do clube, craque argentino votou na eleição do Barça. Foto: Facebook/Reprodução

Sócio do clube, craque argentino votou na eleição do Barça. Foto: Facebook/Reprodução

Em crise política, o Barcelona passou por eleições no último domingo e elegeu um novo presidente. Joan Laporta venceu a disputa e assumiu o comando do clube catalão com a missão de cumprir sua principal promessa de campanha: segurar Lionel Messi no clube.

Em declaração após vencer o pleito no Camp Nou, Laporta afirmou que está confiante que o camisa 10 seguirá no cube.

“Foi muito bonito ver Messi a votar. É mais uma prova de que ama o Barça e estou convencido de que (Messi) quer ficar”, declarou o novo mandatário barcelonista, destacando o argentino que, assim como outros atletas do elenco votou nas eleições do clube.

Laporta destacou que recebeu contato de alguns atletas do elenco comandado por Ronald Koeman, entre eles o próprio Messi.

“Alguns jogadores me parabenizaram pela vitória. Quem? Por exemplo o Leo Messi, o Gerard Piqué, o Jordi Alba... creio que é normal”, disse o presidente que já comandou o Barça no passado. Laporta presidiu o clube entre 2003 e 2010, em um dos períodos mais vitoriosos da história do clube. Foi sob sua gestão que o Barcelona contratou Ronaldinho Gaúcho. Também sob o comando de Laporta iniciou-se a Era Messi e Guardiola no clube que conquistou todos os títulos possíveis nesse período.

Durante sua campanha, Laporta destacou sua boa relação com Messi e afirmou que seria a chave para manter o craque argentino no Camp Nou. O camisa 10 tem contrato com o Barça até junho de 2021, já pode assinar um pré-contrato com qualquer clube e sair de graça da equipe catalã. O argentino tem sido especulado especialmente em dois times: o Paris Saint-Germain e o Manchester City.

Últimas do seu time

  • Tabela

  • BRASILEIRÃO 2019

  • Classificação
    Pontos
  • 1 Bah
    0
  • 2 Atl
    0
  • 3 Cor
    0
  • 4 Spo
    0
  • 5 Red
    0
  • Veja tabela completa