Após listar as dificuldades da estreia, ele aposta em uma vitória magra da seleção brasileira nesta quinta-feira diante da Croácia

Após listar as dificuldades da estreia, ele aposta em uma vitória magra da seleção brasileira nesta quinta-feira diante da Croácia

O capitão do penta, Cafu, repetiu o coro dos jogadores da seleção sobre o nervosismo da estreia na Copa do Mundo. Experiente, o ex-lateral avisa que a ansiedade dos jogadores é ainda maior no primeiro jogo do que em uma final.

Em um evento de patrocinador que reuniu 200 pessoas na sua casa para um coquetel antes de ir para o Itaquerão, o ex-jogador afirmou que o "frio na barriga" da estreia é incomparável.

"Não dá nem para comparar. Porque o nervosismo é muito, mas muito maior na estreia do que em uma final. Na decisão, você já jogou vários jogos, já sabe como é que vai ser e sabe como é o adversário, conhece tudo e está ambientado. No primeiro jogo, você não sabe o que vai acontece, quais vão ser as reações, ainda mais no Brasil", disse ele ao UOL Esporte.

Após listar as dificuldades da estreia, ele aposta em uma vitória magra da seleção brasileira nesta quinta-feira diante da Croácia. Apostando no placar de 2 a 1, Cafu acredita que a torcida terá papel fundamental no decorrer do jogo.

Para ele, essa é a grande diferença entre o jogo em que o Brasil enfrentou a Croácia em 2006 também no Mundial e o desta quinta-feira.

"O jogo de hoje vai ser mais difícil porque eu não estou jogando (risos). Mas o fato de ser aqui no Brasil vai mudar muito, fica mais difícil para este time. Vai jogar muito mais pressão nos jogadores", finalizou.

FOTO: UOL

Últimas do seu time

  • Tabela

  • BRASILEIRÃO 2019

  • Classificação
    Pontos
  • 1 Fla
    77
  • 2 Pal
    67
  • 3 San
    64
  • 4 Grê
    56
  • 5 São
    52
  • Veja tabela completa