Seleção brasileira ainda não sofreu nenhuma derrota nessa edição das Eliminatórias. Foto: Lucas Figueiredo/CBF

Seleção brasileira ainda não sofreu nenhuma derrota nessa edição das Eliminatórias. Foto: Lucas Figueiredo/CBF

A seleção brasileira entre em campo na noite desta terça-feira (29) para encarar a Bolívia na última rodada das Eliminatórias Sul-Americanas para a Copa do Mundo de 2022. Já classificado, o Brasil joga para fazer alguns testes e também para tentar um fato inédito: fechar a competição de maneira invicta nesse formato de disputa.

Desde 1998, as Eliminatórias da Conmebol são disputadas no formato de pontos corridos, com turno e returno. Desde então, o Brasil jamais conseguiu fechar sua participação sem sofre nenhuma derrota.

Embora a partida em La Paz, diante dos bolivianos, seja pela última rodada, a seleção brasileira ainda tem um desafio pelas Eliminatórias: a partida adiada contra a Argentina que seria disputada na Neo Química Aren, mas que foi interrompida aos cinco minutos do primeiro tempo após intervenção da Anvisa.

A última vez em que o Brasil terminou as Eliminatórias para a Copa do Mundo de forma invicta foi em 1989, quando os países sul-americanos eram distribuídos em três grupos. Na oportunidade, o escrete canarinho comandado por Sebastião Lazaroni ficou no Grupo 3, ao lado de Chile e Venezuela, e fechou sua participação com três vitórias e um empates.

Últimas do seu time

  • Tabela

  • BRASILEIRÃO 2019

  • Classificação
    Pontos
  • 1 Bah
    0
  • 2 Atl
    0
  • 3 Cor
    0
  • 4 Spo
    0
  • 5 Red
    0
  • Veja tabela completa