O futuro 'Rei de Roma' enfrentou seu ex-clube no Estádio Olímpico de Roma. Foto: Divulgação

O futuro 'Rei de Roma' enfrentou seu ex-clube no Estádio Olímpico de Roma. Foto: Divulgação

Há exatos 40 anos, no Estádio Olímpico de Roma (Itália), Paulo Roberto Falcão fazia sua primeira partida pela Roma, em amistoso diante de seu ex-clube, o Internacional-RS.O jogo terminou empatado em 2 a 2.

Naquela tarde de 30 de agosto de 1980, Falcão reencontrou seus ex-companeiros de time, muitos daqueles que conquistaram com ele o Campeonato Brasileiro de 1979, feito único na história do Brasil, de forma invicta, entre eles Gasperin (1952-2010), Claudio Mineiro, Batista, Adilson Miranda (1950-1980), Chico Spina e André Luiz, além do treinador Ênio Andrade (1930-1997).

O Inter abriu o placar com Batista, logo aos 11 minutos do primeiro tempo, mas a Roma empatou 11 minutos depois, com Pruzzo. Cléo voltou a colocar a equipe colorada à frente no placar, no final da primeira etapa, aos 43 minutos.

Na etapa final, aos 39 minutos, Bartolomei decretou números finais ao jogo, empatando para a Roma.

MUITAS CONQUISTAS POR INTER E ROMA

Após uma vitoriosa carreira pelo Internacional, clube por onde conquistou cinco campeonatos gaúchos (1973, 1974, 1975, 1976 e 1978) e três brasileiros (1975, 1976 e 1979), Falcão, catarinense de Abelardo Luz, tornou-se ídolo também na equipe romana, conquistando o Scudetto na campanha de 1982-1983, quebrando um jejum de 40 anos, e por três vezes a Copa da Itália (1980–81, 1981–82 e 1983–84).

Falcão chegou à Roma em uma negociação que rendeu uma quantia alta ao Internacional para os padrões da época, 1,5 milhão de dólares, a pedido do treinador sueco que comandava a equipe romana, Niels Liedholm (1922 - 2007).

CLIQUE AQUI E VEJA A PÁGINA DE FALCÃO NA SEÇÃO "QUE FIM LEVOU?"

Em 29 de agosto de 1980, véspera da partida, Falcão esteve no hotel em que o Internacional estava hospedado em Roma para o amistoso. Na foto, em pé, Falcão cumprimenta o saudoso centroavante Adilson Miranda (1950-1980). Aliás, este foi o último encontro entre Adilson e Falcão pois em pouco mais de três meses Adilson morreu em um acidente automobilístico junto de sua noiva Rosângela Zanella, quando viajavam de Santa Catarina para São Paulo. O outro sentado é Toninho Oliveira, atualmente preparador físico. Foto: Reprodução

Falcão à frente de Batista no amistoso entre Roma e Inter disputado em 30 de agosto de 1980. Foto: Divulgação

 

 FICHA TÉCNICA DA PARTIDA

30/08/1980 - Amistoso

Roma 2 x 2 Internacional-RS

30/08/1980

Local: Estádio Olímpico (Roma-Itália)

Árbitro: Ricardo Lacesi. 

Roma: Tancredi; Romano, Maggiora, Turone (Rocca) e Santanini; Falcão (De Nadai), Di Bartolomei e Angelotti; Conti, Pruzzo (Sorbi) e Amenta (Benetti). Técnico: Niels Liedholm (sueco).

Internacional-RS: Gasperín (Benitez); Beretta, Mauro Pastor, André Luiz e Cláudio Mineiro; Batista, Vânder e Cléo (Adilson Miranda); Valtinho (Toninho Oliveira), Jones e Silvinho (Chico Spina). Técnico: Ênio Andrade. 

Gols: Batista aos 11 minutos do primeiro tempo, Pruzzo aos 22 minutos do primeiro tempo, Cléo aos 43 minutos do primeiro tempo e Bartolomei aos 39 minutos do segundo tempo.

Últimas do seu time

  • Tabela

  • BRASILEIRÃO 2019

  • Classificação
    Pontos
  • 1 Bah
    0
  • 2 Atl
    0
  • 3 Cor
    0
  • 4 Spo
    0
  • 5 Red
    0
  • Veja tabela completa