Triunfo histórico aconteceu na Alemanha, no GP de Eifel. Foto: Mercedes-AMG F1

Triunfo histórico aconteceu na Alemanha, no GP de Eifel. Foto: Mercedes-AMG F1

Aos 35 anos, o britânico Lewis Hamilton igualou neste domingo (11) o recorde de vitórias do alemão Michael Schumacher na Fórmula 1, com 91 triunfos, terminando em primeiro lugar o GP de Eifel, disputado no circuito de Nurburgring, na Alemanha.

O filho do heptacampeão Michael Schumacher, Mick Schumacher, atualmente liderando o campeonato da Fórmula 2, estava presente no autódromo.

Ele participaria do primeiro treino livre com a Alfa Romeo, mas o ensaio foi cancelado, assimo o segundo treino livre, mas ele presenteou Hamilton com um capacete igual ao do seu pai, entregue em mãos.

Lewis, com o capacete de Michael Schumacher, presente do filho do heptacampeão, Mick Schumacher. Foto: Mercedes-AMG F1

Hamilton assumiu a liderança da corrida na 19ª volta, após Valtteri Bottas, seu companheiro de equipe na Mercedes, passar do ponto em uma freada, "fritar" o pneu dianteiro direito. Com um traçado "limpo", o britânico apenas posicionou seu carro e superou o finlandês, que acabou abandonando a prova com problema em sua unidade de potência. Matéria ampla sobre o GP de Eifel está aqui.

Hexacampeão da Fórmula 1, títulos conquistados em 2008, 2014, 2015, 2017, 2018 e 2019, sendo o primeiro pela McLaren-Mercedes e os demais pela Mercedes, Hamilton caminha a passos largos para igualar outro recorde de Schumacher, sete títulos na categoria. Ele lidera o campeonato de 2020 com 230 pontos contra 161 de Bottas, o segundo colocado, restando seis etapas para o término do certame.

Neste momento de festa para Hamilton, enumeramos abaixo todas as 91 vitórias que obteve na Fórmula 1, 21 pela McLaren-Mercedes, sua primeira equipe, pela qual competiu entre 2007 e 2012, e as outras 70 pela Mercedes, sua atual equipe, onde está desde 2013, ano em que ocupou a vaga deixada justamente por Michael Schumacher.

No dia 25 de outubro, no GP de Portugal, em Portimão, uma nova vitória de Lewis Hamilton o deixará isolado como maior vitorioso da história da Fórmula 1, categoria que em 2020 está completando 70 anos de existência.

Pódio logo na estreia pela Fórmula 1, terceiro colocado no GP da Austrália, em Melbourne, com a McLaren-Mercedes. Foto: Divulgação

ABAIXO, TODAS AS VITÓRIAS DE LEWIS HAMILTON NA FÓRMULA 1

2007 - McLaren MP4-22 Motor: Mercedes  V8 - Pneus: Bridgestone

QUATRO VITÓRIAS: Canadá (Montreal), Estados Unidos (Indianápolis), Hungria (Hungaroring) e Japão (Fuji).

 

2008 - McLaren MP4-23 - Motor: Mercedes  V8 - Pneus: Bridgestone

CINCO VITÓRIAS: Austrália (Melbourne), Mônaco (Monte Carlo), Grã-Bretanha (Silverstone), Alemanha (Hockenheim) e China (Xangai).

 

2009 - McLaren MP4-24 - Motor: Mercedes  V8 - Pneus: Bridgestone

DUAS VITÓRIAS: Hungria (Hungaroring) e Singapura (Marina Bay).

 

2010 - McLaren MP4-25 - Motor: Mercedes  V8 - Pneus: Bridgestone

TRÊS VITÓRIAS: Turquia (Istambul), Canadá (Montreal) e Bélgica (Spa-Francorchaps).

 

2011  - McLaren MP4-26 - Motor: Mercedes  V8 - Pneus: Pirelli

TRÊS VITÓRIAS: China (Xangai), Alemanha (Hockenheim) e Abu Dabi (Yas Marina).

 

2012 - McLaren MP4-27 - Motor: Mercedes  V8 - Pneus: Pirelli

QUATRO VITÓRIAS: Canadá (Montreal), Hungria (Hungaroring), Itália (Monza) e Estados Unidos (Austin).

Fim de semana perfeito no GP da Itália de 2012, em Monza. Hamilton fez a pole e venceu a corrida com a McLaren-Mercedes. Foto: Divulgação

2013 - Mercedes F1 W04 - V8 - Pneus Pirelli

UMA VITÓRIA: Hungria (Hungaroring).

 

2014 - Mercedes F1 W05 - V6 híbrido - Pneus Pirelli

11 VITÓRIAS: Malásia (Kuala Lumpur), Bahrein (Sakhir), China (Xangai), Espanha (Barcelona), Grã-Bretanha (Siverstone), Itália (Monza), Singapura (Marina Bay), Japão (Suzuka), Rússia (Sochi), Estados Unidos (Austin) e Abu Dhabi (Yas Marina).

 

2015 - Mercedes F1 W06 - V6 híbrido - Pneus Pirelli

NOVE VITÓRIAS: Austrália (Melbourne), China (Xangai), Bahrein (Sakhir), Canadá (Montreal), Grã-Bretanha (Silverstone), Bélgica (Spa-Francorchamps), Itália (Monza), Japão (Suzuka) e Rússia (Sochi).

 

2016 - Mercedes F1 W07 - V6 híbrido - Pneus Pirelli

DEZ VITÓRIAS: Mônaco (Monte Carlo), Canadá (Montreal), Áustria (Spielberg), Grã-Bretanha (Silverstone), Hungria (Hungaroring) e Alemanha (Hockenheim), Estados Unidos (Austin), México (Hermanos Rodriguez), Brasil (Interlagos) e Abu Dhabi (Yas Marina).

 

2017 - Mercedes F1 W08 - V6 híbrido - Pneus Pirelli

NOVE VITÓRIAS: China (Xangai), Espanha (Barcelona), Canadá (Montreal), Grã-Bretanha (Silverstone), Bélgica (Spa-Francorchamps), Itália (Monza), Singapura (Marina Bay), Japão (Suzuka) e Estados Unidos (Austin).

Em 26 de agosto de 2017, com a Mercedes, em Spa-Francorchamps (Bélgica) conquistando sua 68ª pole na F1, igualando a marca de Michael Schumacher. No dia seguinte ele venceu a prova. Foto: Mercedes-AMG/F1

2018 - Mercedes F1 W09 - V6 híbrido - Pneus Pirelli

11 VITÓRIAS: Azerbaijão (Baku), Espanha (Barcelona), França (Paul Ricard), Alemanha (Hockenheim), Hungria (Hungaroring), Itália (Monza), Singapura (Marina Bay), Rússia (Sochi), Japão (Suzuka), Brasil (Interlagos), Abu Dhabi (Yas Marina).

 

2019 - Mercedes F1 W10 - V6 híbrido - Pneus Pirelli

11 VITÓRIAS: Bahrein (Sakhir), China (Xangai), Barcelona (Espanha), Mônaco (Monte Carlo), Canadá (Montreal), França (Paul Ricard), Grã-Bretanha (Silverstone), Hungria (Hungaroring), Rússia (Sochi), México (Hermanos Rodriguez) e Abu Dhabi (Yas Marina).

 

2020 - Mercedes F1 W11 - V6 híbrido - Pneus Pirelli

SETE VITÓRIAS: (CAMPEONATO EM ANDAMENTO): Estíria (Spielberg), Hungria (Hungaroring), Grã-Bretanha (Silverstone), Espanha (Barcelona), Bélgica (Spa-Francorchamps), Toscana (Mugello) e Eifel (Nurburgring).

Em 11 de outubro de 2020, com a Mercedes, dia em que conquistou sua 91ª vitória na F1, no GP de Eifel, na Alemanha, no circuito de Nurburgring. Foto: Mercedes-AMG F1

 ABAIXO, MAIS FOTOS DA CARREIRA DE LEWIS HAMILTON


- Em 2011, Lewis Hamilton, então piloto da Mclaren, homenageou o Rei do Reggae, no GP da India. Crédito da foto: Portal UOL.

 

No treino de classificação para o GP da Inglaterra, em Silverstone, em 29 de junho de 2013, dia em que conquistou sua 28ª pole na F1. Foto: UOL

 

A segunda vitória de Alonso pela McLaren, no GP de Mônaco de 2007. Hamilton (ao fundo) foi o segundo e Felipe Massa (Ferrari) completou o pódio da prova monegasca. Foto: Divulgação

 

Lewis Hamilton e Fernando Alonso na apresentação oficial da McLaren, em 2007. Rivalidade acirrada entre o inglês e o espanhol, que viram o finlandês Kimi Raikkonen (Ferrari) levantar o título daquela temporada. No final do ano, Alonso rescindiu contrato com a equipe inglesa de Woking e retornou à Renault. Foto: Divulgação

 

Nicole Scherzinger e Lewis Hamilton, namorados em 2012. Foto: UOL

 

Hamilton, no centro, comemora no pódio de Monza a vitória na prova italiana. Pérez, à esquerda, foi o segundo e Alonso o terceiro. Foto: UOL

 

Antes da metade da temporada surgiram os primeiros boatos de uma provável transferência de Hamilton para a Mercedes, confirmada em 28 de setembro de 2012. Foto: UOL

 

Pole e vitória no GP da Itália de 2012, em Monza. Foto: UOL

 

No GP da Coreia de 2011, prova que terminou em segundo lugar, após largar na pole. A vitória foi do alemão Sebastian Vettel, da Red Bull. Foto: Portal TT

 

O britânico festejando o título de 2008 em Interlagos. Foto: Divulgação

 

A McLaren de Lewis Hamilton, à frente, logo após superar o alemão Timo Glock, da Toyota, no GP do Brasil de 2008, em Interlagos, na última volta, quando conquistou seu título mundial. Foto: Reprodução

 

Pódio logo em sua primeira corrida na Fórmula 1, no GP da Austrália de 2007, em Melbourne. Foto: Divulgação

 

Em 11 de outubro de 2020, comemorando sua 91ª vitória na Fórmula 1, igualando o recorde de Michael Schumacher, logo após o triunfo no GP de Eifel, em Nurburgring, na Alemanha. Foto: Mercedes-AMG F1

 

Em 29 de agosto de 2020, dia em que conquistou sua 93ª pole na F1, para o GP da Bélgica, em Spa-Francorchamps. Foto Mercedes-AMG F1

 

Em 18 de julho de 2020, dia em que conquistou sua 90ª pole na F1, com o recorde para a pista de Hungaroring, na Hungria. Foto: AMG-Mercedes F1

 

Sob chuva, em 11 de julho de 2020, dia em que conquistou sua 89ª pole na F1, para o GP da Estíria, na Áustria. Foto: Mercedes-AMG F1

 

Em 3 de julho de 2020, no Red Bull Ring, dia do primeiro dia de treinos para o GP da Áustria, abertura da temporada. Hamilton liderou as duas sessões livres. Foto: Mercedes-AMG F1

 

Em 21 de junho de 2020, durante manifestação contra o racismo no Hyde Park, em Londres. Na camiseta, `Black is vibe´, em tradução livre `Preto é um sentimento´. Foto: Twitter oficial de Lewis Hamilton

 

Em 19 de fevereiro de 2020, primeiro dia de treinos da pré-temporada da F1, em Barcelona. Hamilton foi o mais rápido com o novo carro da Mercedes, o W11. Foto: Mercedes-AMG F1

 

Em 1º de dezembro de 2019, dia em que venceu o GP de Abu Dhabi, em Yas Marina. Hamilton foi o pole e também fez a volta mais rápida em sua 84ª vitória na F1. Foto: Mercedes-AMG F1

 

Em 14 de julho de 2019, em Silverstone, dia em que ganhou pela 80ª vez na F1, o GP da Grã-Bretanha. Foto: Mercedes-AMG F1

 

Em 21 de junho de 2019, durante o primeiro treino livre para ao GP da França, em Paul Ricard. Foto: Mercedes-AMG F1

 

Em 26 de maio de 2019, à frente de Max Verstappen, dia em que venceu o GP de Mônaco, sua 77ª vitória na F1. Foto: Mercedes-AMG F1

 

Em 25 de maio de 2019, durante a classificação para o GP de Mônaco, dia em que conquistou sua 85ª pole na F1. Hamilton correu com um capacete vermelho semelhante ao de Niki Lauda, morto cinco dias antes, aos 70 anos. O halo de sua Mercedes também foi pintado em vermelho para homenagear o tricampeão austríaco. Foto: Mercedes-AMG F1

 

Em 14 de abril de 2019, em Xangai, logo após vencer o GP 1000 da história da F1, 75º em sua carreira na categoria. Foto: Mercedes-AMG F1

 

Hamilton com sua Mercedes no circuito de Sakhir, no Bahrein, em 29 de março de 2019, durante o segundo treino livre. Foto: Mercedes-AMG F1

 

Com a Mercedes W10 em 19 de fevereiro de 2019, segundo dia de testes da pré-temporada da F1, em Barcelona. Foto: Mercedes-AMGF1

 

Em 11 de novembro de 2018, dia em que venceu seu 72º GP de F1, o do Brasil, em Interlagos. Foto: Mercedes-AMG F1

 

Em 27 de outubro de 2018, no Autódromo Hermanos Rodríguez, no México, na véspera da conquista de seu quinto título mundial na F1. Foto: Mercedes-AMG F1

 

Em 7 de outubro de 2018, comemorando sua 71ª vitória na F1, no GP do Japão, em Suzuka. Foto: Mercedes-AMG F1

 

Em 6 de outubro de 2018, em Suzuka, durante a classificação para o GP do Japão, dia em que conquistou sua 80ª pole na F1. Foto: Mercedes-AMG F1

 

Em 30 de setembro de 2018, a bordo de sua Mercedes #44, no dia de sua 70ª vitória na F1, no GP da Rússia, em Sóchi. Foto: Mercedes-AMG F1

 

Em 15 de setembro de 2018, no circuito urbano de Marina Bay, dia em que conquistou sua 79ª pole na F1, para o GP de Singapura. Foto: Mercedes-AMG/F1

 

Em 25 de agosto de 2018, durante a classificação para o GP da Bélgica, em Spa-Francorchamps. Neste dia, Hamilton conquistou sua 78ª pole na F1. Foto: Mercedes-AMG F1

 

Em 22 de julho de 2018, dia em que venceu seu GP 66 na Fórmula 1, em Hockenheim, na Alemanha, após largar e 14º. Foto: Mercedes-AMG/F1

 

Em 21 de julho de 2018, lamentando a quebra de sua Mercedes durante a classificação para o GP da Alemanha, em Hockenheim. Foto Divulgação

 

Em 23 de junho de 2018, em Paul Ricard, dia em que conquistou sua 75ª pole na F1, para o GP da França. Foto: Mercedes-AMGF1

 

Ainda garoto, nos anos 90, mas já participando de evento de premiação, quando era piloto de kart. Foto: Divulgação

 

Em 24 de novembro de 2017, com a Mercedes em Abu Dhabi, liderando a sexta-feira de treinos livres. Foto: Mercedes/AMG/F1

 

Em 21 de outubro de 2017, em Austin, nos Estados Unidos, conquistando sua 72ª pole na F1. Foto: Mercedes/AMG/F1

 

Em 30 de setembro de 2017, dia em que conquistou sua 70ª pole na F1, em Sepang, na Malásia, com a Mercedes. Foto: Mercedes/AMG F1

 

Em 2 de setembro de 2017, em Monza, comemorando sua pole 69 na F1, novo recorde da categoria. Foto: Mercedes/AMG F1

 

Em 26 de agosto de 2017, com a Mercedes, em Spa-Francorchamps (Bélgica) conquistando sua 68ª pole na F1, igualando a marca de Michael Schumacher. Foto: Mercedes-AMG/F1

 

Em 15 de julho de 2017, conquistando a pole para o GP da Grã-Bretanha de F1, 67ª em sua carreira na categoria. Foto: Mercedes-AMG/F1

 

Em 15 de julho de 2017, acenando para o público em Silverstone, logo após conquistar sua 67ª pole na F1. Foto: Mercedes-AMG/F1

 

Em 07 de julho de 2017, durante treino livre para o GP da Áustria, no Red Bull Ring, em Spielberg. Foto: Mercedes AMG/F1

 

Em 08 de abril de 2017, no treino de classificação para o GP da China, em Xangai, quando conquistou sua 63ª pole na F1. Foto: Mercedes AMG/F1

 

Com sua Mercedes no segundo treino livre para o GP da Austrália, em Melbourne, em 24 de março de 2017. Foto: Mercedes AMG/F1

 

Em 13 de novembro de 2016, comemorando a vitória no GP do Brasil, em Interlagos. Foto: Miguel Schincariol/AFP, via UOL

 

Em 29 de outubro de 2016, no circuito Hermanos Rodriguez, no México. Foto: Mercedes/AMG F1

 

Em 29 de outubro de 2016, dia em que conquistou a pole para o GP do México, disputada no dia seguinte e que ele venceu. Foto: Mercedes/AMG F1

 

Em 3 de setembro de 2016, quando conquistou sua 56ª pole na F1, em Monza, na Itália. Foto: Mercedes/AMG F1

 

Em 3 de setembro de 2016, quando conquistou sua 56ª pole na F1, em Monza, na Itália. Foto: Mercedes/AMG F1

 

Em 03 de julho de 2016, dia em que conquistou sua 46ª vitória na F1, no GP da Áustria, em Spielberg. Foto: UOL

 

Damon Hill e Lewis Hamilton em 2012

 

Em 6 de setembro de 2015, comemorando a vitória no GP da Itália de F1. Foto: UOL

 

Na década de 90 e em 27 de setembro de 2015

 

Em 27 de setembro de 2015, comemorando a vitória no GP do Japão, em Suzuka. Foto: UOL

 

Na década de 90, começando no kart

 

Vencendo seu 41º GP na Fórmula 1, em Suzuka, no Japão, em 27 de setembro de 2015, igualando-se com Ayrton Senna em triunfos na categoria. Foto: UOL

 

Recebendo a bandeirada em 6 de setembro de 2015 em Monza, no GP da Itália. Foto: UOL

 

Em 23 de agosto de 2015, quando venceu sua 39ª corrida na F1, em Spa-Francorchamps, na Bélgica. Foto: UOL

 

Em 22 de agosto de 2015, em Spa-Francorchamps, durante o treino de classificação em que obteve sua décima pole na temporada, 47ª na F1. Foto: UOL

 

Em 18 de abril de 2015, conduzindo sua Mercedes no traçado do Bahrein, durante treino para a prova. Foto: UOL

 

Na sexta-feira de treinos livres para o GP da Austrália em 14 de março de 2014, com Mercedes V6 turbo. Hamilton teve problemas e não completou a prova. Na lateral do cockpit, uma palavra de apoio a Michael Schumacher: "Continue Lutando, Michael". Foto: UOL

 

Hamilton foi o segundo colocado no GP de Mônaco de 2014, com Mercedes. Foto: UOL

 

Durante o treino de classificação para o GP da Espanha, na Catalunha, em 9 de maio de 2014, com Mercedes V6 turbo. Foto: UOL


   

 

CLIQUE AQUI PARA ACESSAR A HOME DE AUTOMOBILISMO DO PORTAL TERCEIRO TEMPO

CLIQUE AQUI PARA ACESSAR O CANAL DO BELLA MACCCHINA NO YOU TUBE

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Últimas do seu time

  • Tabela

  • BRASILEIRÃO 2019

  • Classificação
    Pontos
  • 1 Bah
    0
  • 2 Atl
    0
  • 3 Cor
    0
  • 4 Spo
    0
  • 5 Red
    0
  • Veja tabela completa