Bernardo

Ex-volante do São Paulo, Corinthians e Bayern de Munique
por Wagner Prado
 
Bernardo Fernandes da Silva, o Bernardo (20/04/1965), que se notabilizou como volante de São Paulo e Corinthians, foi descoberto nas divisões de base do Marília. Por ter feito um grande Campeonato Paulista em 1985 pelo clube do interior, acabou despertando o interesse dos dirigentes do São Paulo.

Participativo e de boa técnica, sempre foi dono de grande personalidade em todas as equipes que defendeu, tendo sido capitão em quase todas elas.
 
A trajetória de Bernardo é vitoriosa. Depois de chegar ao São Paulo, levantou em 1986 a taça de campeão brasileiro, feito que repetiria em 1991. Foi campeão paulista em 1987 e em 1989 chegou ao bicampeonato, também com a camisa do Tricolor do Morumbi. Ficou no São Paulo de 1985 a 1991, quando se transferiu para o Bayern de Munique (Alemanha), onde jogou a temporada 1991/92.
 
Da Alemanha voltou para o Brasil, quando jogou pelo Vasco da Gama. Em 1993, voltou novamente para o Bayern e ficou lá até 1994.
 
Em 1995, atuou pelo Corinthians e foi vitorioso. Conquistou naquele ano o título paulista e o da Copa do Brasil.
 
Depois do Corinthians, as portas do mercado internacional novamente se abriram para Bernardo. O Japão acabou sendo o desafio e ele foi para o Cerezo Osaka. Passou um ano por lá e voltou para o Timão em 1996 e depois seguiu para o Atlético Paranaense, onde encerou carreira em 1997.
 
De acordo com o Almanaque do São Paulo, de Alexandre da Costa, Bernardo fez 236 jogos pelo Tricolor, obtendo 102 vitórias, 90 empates e 44 derrotas. Marcou 16 gols. Já com a camisa do Timão, foram 80 jogos, com 37 vitórias, 30 empates e 13 derrotas.
 
Bernardo fez apenas 3 gols, sendo o mais importante o marcado de cabeça, sobre a Portuguesa, em 15 de julho de 1995. A partida era válida pelas semifinais do Paulistão. No último minuto, Bernardo usou sua estatura e fulminou o gol de Paulo César.
ver mais notícias

Pelo São Paulo:

De acordo com o Almanaque do São Paulo, de Alexandre da Costa, Bernardo fez 236 jogos pelo Tricolor, obtendo 102 vitórias, 90 empates e 44 derrotas. Marcou 16 gols.

Pelo Corinthians:

Já com a camisa do Timão, foram 80 jogos, com 37 vitórias, 30 empates e 13 derrotas. Bernardo fez apenas 3 gols, sendo o mais importante o marcado de cabeça, sobre a Portuguesa, em 15 de julho de 1995. A partida era válida pelas semifinais do Paulistão. No último minuto, Bernardo usou sua estatura e fulminou o gol de Paulo César.

Selecione a letra para o filtro

  • Tabela

  • BRASILEIRÃO 2019

  • Classificação
    Pontos
  • 1 Fla
    77
  • 2 Pal
    67
  • 3 San
    64
  • 4 Grê
    56
  • 5 São
    52
  • Veja tabela completa

ÚLTIMOS CRAQUES