Brasileiro teve mais sorte e foi liberado logo em seguida da batida na Áustria

Brasileiro teve mais sorte e foi liberado logo em seguida da batida na Áustria

O brasileiro Pedro Piquet foi um dos envolvidos em um acidente de grandes proporções na manhã deste sábado (21) na primeira corrida da rodada tripla da F3 Europeia, que acontece no traçado austríaco de Spielberg.

Restando poucos minutos para o término da prova, o norte-americano Ryan Tveter perdeu o controle de seu carro e foi para a brita, retornando ao traçado, levantando uma cortina de poeira. Sem muita visibilidade, o chinês Zhi Cong Li acertou a traseira do carro de Tveter em cheio e decolou, subindo por vários metros e caindo com grande impacto no chão. Pedro Piquet, que vinha na sequência, não conseguiu desviar e acabou batendo, parando na caixa de brita.

Pedro Piquet teve mais sorte e foi liberado logo após exames no centro médico do autódromo. Ryan Tveter estava inconsciente no carro mas recobrou os sentidos ainda no autódromo e foi levado de ambulância para um hospital. Cong, por sua vez, foi encaminhado de helicóptero ao hospital, para exames mais detalhados na cabeça e nas costas, onde foram constatadas fraturas em algumas vértebras e o tornozelo também fraturado.

A prova, que foi interrompida com bandeira vermelha, foi retomada em seguida e a vitória foi do britânico Callum Ilott. O canadense Lance Stroll foi o segundo e o britânico Maximiliam Gunther completou o pódio, em terceiro. O outro brasileiro na prova, o mineiro Sérgio Sette Câmara, foi o 13º.

A segunda prova da etapa austríaca aconteceu normalmente neste sábado. Com inversão de posição entre os dois primeiros colocados. Lance Stroll foi o primeiro e Callum Ilott o segundo. O britânico George Russel foi o terceiro. Sérgio Sette Câmara foi melhor e terminou marcando pontos, em oitavo. Pedro Piquet participou da prova após o acidente na primeira bateria e foi o 18º.

A terceira corrida acontece neste domingo (22).

 ABAIXO, O VÍDEO

Este não foi o primeiro acidente de grandes proporções sofrido pelo filho do tricampeão Nelson Piquet. Em 20 de setembro de 2015, disputando uma prova da Porsche Cup, em Goiânia, Pedro capotou seu carro por nove vezes e teve uma fratura na mão e um leve trauma pulmonar, além de ferimentos no rosto. Clique aqui e veja como foi.

CLIQUE NO LOGO ABAIXO PARA ACESSAR A HOME DE AUTOMOBILISMO DO PORTAL TERCEIRO TEMPO

Últimas do seu time

  • Tabela

  • BRASILEIRÃO 2019

  • Classificação
    Pontos
  • 1 Bah
    0
  • 2 Atl
    0
  • 3 Cor
    0
  • 4 Spo
    0
  • 5 Red
    0
  • Veja tabela completa